Olhar Direto

Domingo, 14 de agosto de 2022

Notícias | Cidades

vídeos no celular

Suspeitos de divulgar imagens de crianças nuas pelo WhatsApp é preso em MT

Suspeitos de divulgar imagens de crianças nuas pelo WhatsApp é preso em MT
Um homem suspeito de divulgar imagens de duas adolescentes  de 12 anos, nuas,  foi preso em flagrante por policiais civis de Colíder (650 km ao Norte) na quarta-feira (1). No celular do investigado também foram encontradas outras imagens e vídeos com conteúdo pornográfico envolvendo adolescentes.

Leia Mais:
Criança fica ferida após carro capotar em acidente com mais três veículos

A mãe de uma das vítimas registrou boletim de ocorrência na Delegacia de Polícia no dia 31 de janeiro informando que imagens de sua filha estariam sendo divulgadas via Whatsapp. No dia seguinte à denúncia (1), os policiais civis obtiveram informação que o suspeito P.J.R.S, 20, estaria se deslocando de moto sentido Nova Santa Helena (622 km a Médio-Norte). Em diligências realizadas eles conseguiram encontrar e conduzir o investigado até à delegacia de Colíder.

As duas adolescentes identificadas nas imagens vazadas pelo criminoso têm 12 anos de idade e vivem na cidade de Nova Canaã do Norte (699 km ao Norte). No aparelho celular do homem havia outros vídeos de sexo explícito envolvendo adolescentes desconhecidas.O suspeito confessou que recebeu as fotos e as encaminhou a um amigo.

De acordo com o delegado de polícia Ruy Guilherme Peral da Silva, o investigado foi autuado em flagrante, em tese pelo delito descrito no Art. 241-B, do ECA (adquirir, possuir ou armazenar, por qualquer meio, fotografia, vídeo ou outra forma de registro que contenha cena de sexo explícito ou pornográfico envolvendo criança ou adolescente - pena de reclusão de 1 a 4 anos). 

Isto sem, prejuízo da apuração de sua responsabilidade criminal quanto à pratica do delito previsto no Art. 241-A, do ECA (Oferecer, trocar, disponibilizar, transmitir, distribuir, publicar ou divulgar por qualquer meio, inclusive por meio de sistema de informática ou telemático, fotografia, vídeo ou outro registro que contenha cena de sexo explícito ou pornográfica envolvendo criança ou adolescente - pena de reclusão de 03 a 6 anos).
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet
x