Olhar Direto

Notícias / Ciência & Saúde

Prefeitura de Várzea Grande deflagra ação para combater o mosquito aedes aegypti

Da Redação - Fabiana Mendes

19 Jan 2018 - 15:25

Foto: Prefeitura de Várzea Grande

Prefeitura de Várzea Grande deflagra ação para combater o mosquito aedes aegypti
A Prefeitura de Várzea Grande irá deflagrar neste sábado (20) uma operação de combate ao mosquito aedes aegypti, transmissor da dengue, zica e chikungunya. A Operação “Todos Unidos: Várzea Grande contra a Dengue” irá contar com auxílios de todas as unidades de saúde que funcionarão em plantão e duas policlínicas que irão atender durante o fim de semana.   

Leia Mais: 
Hospital Santa Rosa inaugura Unidade Avançada com mais de 60 médicos especialistas

A prefeita Lucimar Sacre de Campos admitiu a possibilidade de convocar o Exército Brasileiro e as Forças Policiais para auxiliar na fiscalização e punição de proprietários de terrenos baldios ou de residências sem o correto uso de piscinas e caixas d’água, que são foco de proliferação do mosquito.

Conforme a assessoria, a Prefeitura está trabalhando na limpeza de córregos, retiradas de bolsões de lixo acumulado, notificação de proprietários de terrenos. Além disso, as Policlínicas do Cristo Rei e do Jardim Marajoara funcionarão durante o fim de semana.

A Saúde de Várzea Grande já registrou 644 casos de dengue, 27 de zika vírus e 1.866 casos de chikungunya de primeiro de janeiro a 17 deste mês. Nas unidades de saúde, quando os pacientes se apresentam com sintomas, já estão imediatamente recebendo soro para reidratação.

A medida foi adotada seguindo o Plano Municipal de Contingência das doenças e devido ao elevado número de notificações dessas doenças na cidade, principalmente para os casos de Chikungunya.

Outra medida de reforço da ação foi o de melhorar o fluxo de atendimento ao paciente com suspeita de chikungunya e dengue, e colocar mais 14 unidades entre PSFs, Centros de Saúde, além das Policlínicas para atendimento em horário normal de expediente, de segunda à sexta das 7h às 17h, para avaliação, triagem, hidratação oral e venosa. Já a coleta de sangue será feita em todas as unidades, cujo resultado sai em um prazo de até duas horas, dependendo do volume de pedidos.

2017 

No fechamento dos dados do ano de 2017, foram registrados 2.311 casos de dengue, 408 notificações para o Zika Vírus, Febre Chikungunya, com 2.331 casos.

2 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Eliberto
    20 Jan 2018 às 00:04

    Parabéns secretário Diogenes equipe sou conhecedor de vossa competência..sucesso sempre. Eliberto

  • Felipe
    19 Jan 2018 às 16:42

    Convocar os agentes de endemias aprovados no processo seletivo realizado em 2016 nem se fala. Parece até que esqueceram, o pior é que ninguém na prefeitura se pronuncia sobre isso, ninguém sabe dar uma informação sequer.

Sitevip Internet