Olhar Direto

Segunda-feira, 28 de setembro de 2020

Notícias / Política MT

Sobe temperatura de campanha e candidatos usam inserções para trocar acusações na TV

Da Redação - Carlos Gustavo Dorileo

22 Set 2018 - 17:24

Foto: Olhar Direto

Sobe temperatura de campanha e candidatos usam inserções para trocar acusações na TV
Os candidatos ao Governo do Estado Wellington Fagundes (PR) e Mauro Mendes (DEM) foram alvos de ataques em inserções de 30 segundos exibidas na TV nos últimos dois dias. As propagandas foram produzidas respectivamente pela coligação encabeçada por Mendes e por Pedro Taques (PSDB).

Leia também
Mendes comemora crescimento no Ibope com cautela: “é cedo para falar em 1º turno”


A primeira propaganda, produzida pela coligação ‘Pra mudar Mato Grosso’, usa reportagens antigas informando que Fagundes é réu no Supremo Tribunal Federal (STF) por corrupção passiva e lavagem de dinheiro. É citado também que o seu patrimônio cresceu em 1.200% em seus doze anos no congresso.

Já a segunda inserção, publicada pela coligação ‘Segue em Frente Mato Grosso’, mostra os problemas que Mauro Mendes enfrentou na saúde em sua gestão como prefeito de Cuiabá, exibindo inclusive um vídeo em que ele perde a calma em uma discussão com a presidente Sindicato dos Médicos de Mato Grosso (Sindimed-MT), Eliana Siqueira.

As inserções nas emissoras de TV e de rádio iniciaram no fim de agosto com a publicação de propagandas de 30 a 60 segundos durante todo o dia. O material deve ser assinado pelo partido ou pela coligação.

Caso algum dos candidatos citados se sinta prejudicado, ele pode pedir ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MT) para que as propagandas sejam retiradas do ar, além de direito de resposta.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet