Olhar Direto

Segunda-feira, 20 de maio de 2019

Notícias / Política MT

Jayme e Selma se destacam após confusão em segundo dia de votação para presidência do Senado

Da Redação - Wesley Santiago

02 Fev 2019 - 16:31

Foto: Assessoria

Jayme e Selma se destacam após confusão em segundo dia de votação para presidência do Senado
O Plenário do Senado Federal foi mais uma vez palco de confusão durante o segundo dia de votação para a presidência da Casa e a formação da nova Mesa Diretora, neste sábado (02). Na contagem de votos, foi detectada uma cédula a mais na urna, o que foi o gatilho para o início de um novo bate-boca. Jayme Campos (DEM) e Selma Arruda (PSL), escolhidos como ‘auditores’, se destacaram e usaram o microfone para tentar sanar os problemas.

Leia mais:
Jayme Campos faz apelo durante briga no Senado
 
Selma e Jayme foram escolhidos como escrutinadores (os membros dos partidos encarregados de fazer a vigilância da votação) e acompanharam de perto cada voto. No fim, durante a contagem, foi detectada uma cédula a mais, o que causou o caos no Plenário e um bate-boca frenético.
 
A juíza aposentada, Selma Arruda, posicionou-se para que o voto fosse anulado e o resultado se mantivesse. Porém, a maioria decidiu por uma nova votação: “Haverá nova eleição por decisão dos escrutinadores que vocês designaram. Não vamos contaminar esta eleição. Por favor, não vamos fazer de novo o que aconteceu ontem. Aqui todo mundo sabe o que faz. Quem votou uma vez, faça-o de novo. Minha opinião foi contrária, mas respeito a opinião da maioria”, disse a senadora, que foi aplaudida em seguida pelos colegas.

No decorrer da confusão, Selma novamente voltou aos microfones, após Renan Calheiros (MDB/AL) anunciar que havia desistido de sua candidatura por conta do tumultuado processo e usou a experiência como magistrada: "Durante a votação, houve o pedido de saída de um candidato. Quem já havia votado, se por acaso votou em Renan, perdeu seu voto. Vamos amanhecer com uma liminar aqui dentro, eu falei. Isso não é agradável. Se não recomeçar a votação, vai judicializar novamente. Não se desiste mais, entrou, acabou. Por isso recomendo que se faça novamente a votação".
 
Ainda em meio à confusão, Jayme Campos – que era um dos escrutinadores e abandonou os arredores da mesa para ficar próximos dos colegas – pediu a palavra e disse que o fato poderia colocar em cheque a legalidade da votação. Logo depois, sugeriu que fosse trocado o responsável por assinar as cédulas, o que foi atendido posteriormente.

Após o anúncia da desistência de Renan Calheiros, Jayme voltou aos microfones para pedir que o processo tivesse sequência da forma que estava: "Eu acho que tem que dar continuidade ao processo de votação. Tenho certeza absoluta que é opinião da maioria".
 
Por fim, ficou decidida uma nova eleição para a escolha do presidente da Casa. Concorrem ao posto: Ângelo Coronel (PSD-BA), Davi Alcolumbre (DEM-AP), Fernando Collor (Pros-AL), Esperidião Amin (PP-SC), Renan Calheiros (MDB-AL) e Reguffe (sem partido-DF). Alvaro Dias (Podemos-PR) e Major Olímpio (PSL-SP) retiraram-se da disputa.
 
A votação da última sexta-feira (01) foi adiada depois de muito tumulto e bate-boca entre os senadores.
 
Na ocasião, Jayme Campos atuou como “bombeiro” na turbulenta sessão plenária. Em um dos momentos mais acalorados da refrega, Campos pediu bom senso, ameaçou sair do plenário para não manchar sua biografia em momento tão baixo da República e afirmou que a situação se assemelhava a “briga de lavadeira”.

 

9 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Valzeli
    03 Fev 2019 às 23:01

    Jayme se destacou-se pelo mau português. Selma se destacou positivamente.

  • Marco
    03 Fev 2019 às 14:43

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

  • jailson mendes suco de laranja
    03 Fev 2019 às 01:13

    me lembro bem qdo ia pro cabaré da fatima... vendo isso... me bateu uma saudade, me senti la

  • por justiça
    02 Fev 2019 às 22:00

    mais uma sacanagem desses enganadores do povo

  • Caroline
    02 Fev 2019 às 21:49

    Jayme, o que falou não faz sentido algum. Vicou tão somente olhando a mesa. Já a Selma, foi uma das mais ativas.

  • Eleitor
    02 Fev 2019 às 19:23

    Que foto hein ! Pena que não temos outra igual , já a velha e malfadada política de trocas e sem vergonhices está representada ao lado !!

  • Pedro
    02 Fev 2019 às 18:47

    Não vi nada disso, apenas interferência sem serem levados em conta pelos demais e o pior Jaime falando errado, credo, estamos mal representados

  • Elias
    02 Fev 2019 às 18:14

    Se destacaram né que?? Fala sério...a isto toda sessão, nao vi nada..para de puxar o saco. Vi foi Jaime levar um.coice do Maranhão..

  • Russo
    02 Fev 2019 às 17:14

    Normal o neófito falar mais.

Sitevip Internet