Olhar Direto

Notícias / Cidades

Mulher morre atropelada por Audi em disputa de racha com caminhonete

Da Redação - Wesley Santiago

15 Abr 2019 - 07:50

Foto: Varlei Cordova/AgoraMT

Mulher morre atropelada por Audi em disputa de racha com caminhonete
Uma mulher, identificada como Francineide Alves de Oliveira, morreu na tarde do último domingo (14), no bairro Jardim Tropical, em Rondonópolis (215 quilômetros de Cuiabá). Ela teria sido atingida por um veículo que participava de um racha na rua Luis Carlos dos Santos. Imagens da câmera de segurança devem auxiliar na identificação dos culpados.

Leia mais:
Morte de verdureiro atropelado por médica completa um ano; relembre o caso
 
Testemunhas relataram para os policiais que um veículo Audi, de cor branca e com placas de Várzea Grande, estaria disputando racha com uma caminhonete. Francineide estaria na calçada, quando foi atingida pelo carro e arremessada alguns metros de distância.
 
O condutor do Audi fugiu logo em seguida. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado, mas quando chegou ao local apenas constatou o óbito da vítima. A própria médica da unidade de socorro reconheceu Francineide como sua funcionária.
 
Os dois veículos aparecem em imagens de câmeras de segurança do bairro. Essas gravações devem ajudar a Polícia na identificação do acusado.
 
A Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) esteve no local realizando os trabalhos. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para exames de necropsia. A Polícia Civil investiga o caso. (Com informações do Agora MT)

3 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Lima
    15 Abr 2019 às 11:41

    Falou CSI Zeca

  • Pepeu
    15 Abr 2019 às 10:49

    Quando será que deixarão de fazer "racha". Agora se apresenta com advogados, que e um direito, sai pela porta da frente, nunca será condenado e a vítima e sua família que se dane, né? Isto tem que mudar, Sr. judiciário.

  • Zeca
    15 Abr 2019 às 10:13

    Se ela realmente estivesse na calçada, o carro teria se descontrolado e capotado ou batido num poste, noutro carro, etc.

Sitevip Internet