Olhar Direto

Segunda-feira, 27 de maio de 2019

Notícias / Política MT

Com força na capital, DC articula disputa pela prefeitura e possível vaga de Selma

Da Redação - Carlos Gustavo Dorileo

20 Abr 2019 - 11:30

Foto: Reprodução

Com força na capital, DC articula disputa pela prefeitura e possível vaga de Selma
Ganhando força, em decorrência das últimas eleições em que elegeu dois deputados estaduais, além de ter um representante na Câmara Municipal de Cuiabá, o partido Democracia Cristã (DC), deve ganhar novos filiados e já trabalha para a disputa da prefeitura da capital. 

Leia também
Afastado, Botelho diz que usará tempo livre para refletir sobre candidatura a prefeito


A direção estadual do partido tem promovido encontros para atrair novos filiados e já flerta com vereadores que fazem oposição ao prefeito Emanuel Pinheiro (MDB), que deve tentar se reeleger.

A informação foi confirmada pelo vereador Abílio Junior (PSC), que explicou que os colegas Felipe Wellaton (PV), Diego Guimarães (PP), Dilemário Alencar (Pros) e Marcelo Bussiki (PSB), não descartam a ideia para construir uma candidatura forte para entrar na briga pelo comando do Palácio Alencastro.

“Estamos estudando, temos que esperar a janela em março para poder decidir se permaneço no PSC, onde estou tendo dificuldades, visto que o presidente municipal está envolvido com o Emanuel Pinheiro em um processo no hospital São Benedito, tem uma denúncia do Ministério Público de cabide de emprego, que está me deixando em dificuldade, assim como boa parte do partido é do grupo do Emanuel. Não me sinto confortável quanto a isso”, explicou Abílio, durante visita a Assembleia Legislativa na manhã desta quarta-feira (17).

“O DC tem sido muito receptivo, o Ulysses Moraes é um deputado que admiro muito, assim como o Elizeu Nascimento. Estamos conversando com os vereadores da oposição e esta candidatura que queremos construir, é fundamental que fiquemos unidos”, afirmou.

O DC conta hoje com os deputados estaduais Elizeu Nascimento, Ulysses Moraes, e com o vereador Clebinho Borges, na Câmara de Cuiabá. O partido já se posicionou a favor de lançar candidatura majoritária, em 2020 não descartou entrar na briga da vaga de Senado na vaga que pode ser aberta pela cassação da juíza aposentada Selma Arruda (PSL). O caso ainda depende de recurso a ser julgado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). 

“Ainda é cedo e não dá para contar com a derrota da Selma, que teve mais de 670 mil votos. Vamos aguardar o julgamento do recurso pra pensar nisso. Caso realmente aconteça, vamos estar na briga”, disse o presidente estadual do partido, Aécio Rodrigues.

2 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Sabrina Da Silva
    20 Abr 2019 às 16:07

    Boa Luciano. Qualquer um melhor que Selma Arruda condenada como Lula.

  • Luciano
    20 Abr 2019 às 12:04

    Gato Loko p senado

Sitevip Internet