Olhar Direto

Segunda-feira, 24 de junho de 2019

Notícias / Política MT

Deputado diz que não quer acabar com VI e que está cumprindo seu compromisso de campanha

Da Redação - Carlos Gustavo Dorileo

18 Mai 2019 - 09:32

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

Deputado diz que não quer acabar com VI e que está cumprindo seu compromisso de campanha
O deputado Ulysses Moraes (DC) emitiu uma nota explicando que não pretende, com o seu projeto, eliminar a verba indenizatória dos parlamentares e que está propondo a sua redução, além da transparência do seu gasto. A propositura, que foi aprovada na Comissão de Fiscalização e Acompanhamento da Execução Orçamentária da Casa (CFAEO) e irá para votação em plenário, causou polêmica nesta semana.

Leia também
Chefe de gabinete de Ulysses Moraes alega que devolve 50% de verba indenizatória da AL


Na nota, o deputado diz que está mantendo seu compromisso de campanha de reduzir os gastos com o dinheiro público, citando a utilização de apenas um veículo dos vários que tem direito e que usa 50% do que poderia gastar com pessoal.

“O parlamentar possui, atualmente, 14 colaboradores em sua equipe. Possui três funcionários efetivos da Casa, além dos três cargos obrigatórios, e oito comissionados, sendo a menor equipe de toda Assembleia legislativa”, diz a nota.

O posicionamento veio após o deputado se desentender, por meio da imprensa, com a presidente interina da Assembleia Legislativa, Janaina Riva (MDB), que o chamou de hipócrita por tentar cortar parte do benefício da verba indenizatória.

Veja abaixo a íntegra da nota:

Em relação às afirmações feitas, em um vídeo publicado na noite de quinta-feira pela deputada estadual Janaina Riva (MDB) em suas redes sociais, citando o deputado estadual Ulysses Moraes (DC), o parlamentar esclarece:
 
*Em momento algum, seja em seu mandato ou em sua campanha eleitoral, Ulysses Moraes prometeu EXTINGUIR a verba indenizatória, mas sim reduzi-la, além de utilizá-la de forma transparente. Este compromisso foi cumprido com seus eleitores, ao apresentar o Projeto de Lei 72/2019, que prevê a redução de 50% dos valores disponíveis a título de verba indenizatória parlamentar, assim como a sua devida prestação de contas.

*Em relação a afirmação de Janaina Riva de que Ulysses Moraes utiliza de veículos disponibilizados pela ALMT, o parlamentar faz uso de apenas um veículo dos vários a que tem direito, e economizará cerca de 300 mil reais em seus quatro anos de mandato.
 
*A parlamentar, no vídeo, afirma ainda que Ulysses Moraes tem um gasto mensal de cerca de R$ 100 mil com os servidores indicados por seu gabinete. Este valor, com exceção dos cargos obrigatórios (Assessor de Imprensa, Chefe de Gabinete e Assessor Jurídico) e dos funcionários efetivos da Casa, é de apenas R$ 39 mil. O valor para contratações para cada parlamentar, disponibilizado pela ALMT, é de R$ 79 mil mensais. Sendo assim, Ulysses Moraes utiliza apenas 50% do que poderia gastar para contratação de pessoal.
 
*Outra informação inverídica apresentada por Janaina Riva em seu vídeo diz respeito aos funcionários do gabinete de Ulysses Moraes. O parlamentar possui, atualmente, 14 colaboradores em sua equipe. Possui três funcionários efetivos da Casa, além dos três cargos obrigatórios, e oito comissionados, sendo a MENOR equipe de toda Assembleia legislativa.

*O deputado estadual Ulysses Moraes reafirma seu compromisso com um mandato em que preza pela transparência e austeridade, sempre baseado na verdade, e faz um desafio à deputada, informando à população todas as verbas que recebe, além de quanto custa aos cofres públicos, mensalmente, seu gabinete e sua equipe.
 
Deputado Estadual Ulysses Moraes

17 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Thomas Morus
    20 Mai 2019 às 08:00

    É lamentável, esse jogo baixo, a deputada Janaína Riva, busca tirar o foco da discussão que é o projeto do deputado Ulysses Moraes de reduzir a Verba Indenizatória de $65mil, a mais cara do Brasil, adequando-a, com a obrigatoriedade de prestar contas, visto que só em Mato Grosso os deputados não prestam contas. O nível está tão baixo, e não poderia ser diferente pelo DNA da Janaína (Pai, mãe, ex-marido, ex-sogro, tudo condenado por roubar dinheiro público) processados, etc... . Como não tem o que falar do Jovem deputado, fazem montagem de fotos, pagou matéria sobre até sobre o pai do Deputado, Professor Naime Márcio Martins Moraes, conceituado advogado com mais de trinta anos de profissão, como se o pai precisasse do filho para ter emprego. Agora é importante destacar que o pai do Dep. Ulysses, tem Currículo e muito bom, agora o pai da Dep. Janaína tem, "folha Corrida" responde por mais de 100 processos e já foi condenado na justiça até no segundo grau por roubar dinheiro público. Quanto a viagem pra São Paulo a Dep. Janaína vai ter que engolir as mentiras dela...kkkkkkk.... esperem..... Sabe aquele vídeo que ela postou sobre o assessor estar recebendo $12mil de VI, ela se ferrou o rapaz devolve todo mês 50%, porque não tem previsão legal. Agora que ver ela se entender com o MP

  • 19 Mai 2019 às 11:22

    Esse vereador populista esta se tornando fiscal da ALMT. Mas creio que o papel para qual foi eleito é outro. Outra coisa, se ele deseja que ALMT diminua os gastos internos, ele deve dar o pontapé e ser exemplo. Essa onda de diminuir o V.I é despropositado. Ele acha que a V.I é muito cara, até aqui eu concordo é pq sua base eleitoral é na baixada cuiabana. Agora, imagine aquele deputado que tem sua base eleitoral lá pelo lado de Vila Rica.

  • Patropi
    19 Mai 2019 às 10:32

    Tem que reduzir mesmo e obrigar a prestar contas. O TCE deveria fazer uma auditoria para saber mesmo se essa verba está sendo aplicada de forma correta.

  • Lima
    19 Mai 2019 às 09:58

    Vejo muitos comentários de pessoas contra e a favor de fulano e sicrano, mas fico triste em saber que pessoas brigam entre si, por políticos corruptos que não tem vergonha na cara e nem a mínima credibilidade para representar o povo. Gostaria mesmo que os políticos morressem quando roubassem. (acredito que o cemitério estaria bem lotado, kkkk)

  • Carlos
    19 Mai 2019 às 07:35

    Pelos comentários contra "a idéia" desse deputado, julgo eu que sempre fomos bem representados nesse quarteirão de 500milhões/ano, no quesito de gasto público.

  • João Carlos de PVA
    18 Mai 2019 às 20:06

    Muita conversa fiada Ulysses! Cadê a prestação de contas da verba indenizatória prometida na campanha?

  • Henrique Sousa
    18 Mai 2019 às 19:50

    Lucas Ferraz, se informe melhor. Deputado Ulisses foi o que mais aumentou seus gastos e fica com demagogia.

  • Vixi
    18 Mai 2019 às 16:11

    Quantos comentários de pessoas criadas... fake comentáriantes, pessoas que nunca deixaram comentários no Olhar Direto.

  • aureo
    18 Mai 2019 às 14:17

    Pra encerrar essa picuinha ACABE DE VEZ COM ESSA IMORALIDADE DE V.I.

  • Descrente
    18 Mai 2019 às 13:08

    Todos iguais !!! Mudam-se apenas nomes e sobrenomes...

Sitevip Internet