Olhar Direto

Sexta-feira, 20 de setembro de 2019

Notícias / Política MT

Deputado considera mensagens vazadas “provas concretas” e sugere renúncia de Moro

Da Redação - Érika Oliveira

11 Jun 2019 - 17:30

Foto: Rogério Florentino Pereira/ Olhar Direto

Deputado considera mensagens vazadas “provas concretas” e sugere renúncia de Moro
O deputado estadual Lúdio Cabral (PT) classificou como “provas concretas de suspeição” as conversas vazadas de um aplicativo de mensagens, atribuídas ao ministro da Justiça, Sérgio Moro, e ao procurador Deltan Dallagnol, coordenador da força-tarefa da Operação Lava Jato. Na avaliação do parlamentar, é necessário que o ministro seja afastado do cargo para garantir a lisura de eventuais investigações.

As mensagens foram publicadas pelo site The Intercept no último final de semana e seriam da época em que Moro era o juiz responsável pela Lava Jato no Paraná. Segundo site, o então magistrado orientou ações e cobrou novas operações dos procuradores que atuam na operação.

Leia mais:
Presidente do PT em Mato Grosso pede exoneração de ministro da Justiça após vazamento de conversa

“São mais provas da suspeição dos agentes da Justiça que deveriam ter imparcialidade nesse processo todo. São provas concretas, uma série de ilegalidades foram cometidas pelo que demonstram as mensagens. O partido [PT] deve continuar, como já vinha fazendo com outras provas, pedindo anulação do processo contra Lula. Agora, essas mensagens, quem tem que investigá-las? Se for aberta qualquer investigação quem tem que fazer é a Polícia Federal. A Polícia Federal hoje é subordinada ao Ministério da Justiça, portanto seria importante que essas investigações fossem independentes”, declarou, em entrevista ao Olhar Direto.

O The Intercept divulgou no domingo (9) trechos de mensagens atribuídas a procuradores da força-tarefa da Lava Jato em Curitiba e ao então juiz Sérgio Moro extraídas do aplicativo Telegram.

Segundo o site, as informações foram obtidas de uma fonte anônima. O site diz que procuradores, entre eles Deltan Dallagnol, trocaram mensagens com Moro sobre alguns assuntos investigados.

Segundo o Intercept, o então juiz Sérgio Moro orientou ações e cobrou novas operações dos procuradores. Em um dos diálogos, Moro pergunta a Dallagnol, segundo o site: "Não é muito tempo sem operação?". O chefe da força-tarefa concorda: "É, sim".

Em nota, Moro lamentou que a reportagem não indicasse a fonte das informações e o fato de não ter sido ouvido. Segundo ele, no conteúdo das mensagens que citam seu nome, "não se vislumbra qualquer anormalidade ou direcionamento da atuação enquanto magistrado, apesar de terem sido retiradas de contexto e do sensacionalismo das matérias, que ignoram o gigantesco esquema de corrupção revelado pela Operação Lava Jato".

Dallagnol, por sua vez, defendeu a imparcialidade da Lava Jato e disse que a operação acusou políticos e pessoas ligadas a diversos partidos. Em um vídeo, o procurador disse ser natural a comunicação entre juízes e procuradores sem a presença da outra parte. Afirmou ainda que o Ministério Público Federal teve processos recusados e que 54 pessoas denunciadas pelo MPF foram absolvidas por Moro. "A Lava Jato é contra a corrupção, seja de quem ela for", afirmou.

PT em Mato Grosso

Também ao Olhar Direto, o presidente do PT em Mato Grosso, deputado Valdir Barranco, defendeu a exoneração imediata de Sérgio Moro. Para Barranco, a publicação das conversas de Moro expôs a parcialidade da força-tarefa da Lava Jato.

“Não é surpresa, mas nós queremos que seja tomada providência porque a justiça nesse momento está nua e o Supremo [Tribunal Federal] também está afetado, o Ministério Público está sem credibilidade, o Moro precisa pedir renuncia, precisa pedir exoneração imediatamente”, afirmou.

57 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Demair Lobão.
    12 Jun 2019 às 17:03

    Esse povo do pt,não estão nem ai para o Brasil. Quanto pior melhor. Quase faliram o país.

  • Claudio Coelho Barreto Junior
    12 Jun 2019 às 10:16

    OS PETISTA, QUE NUNCA TRABALHARAM, SÓ ROUBARAM, CONTINUAM COM ESSA CONVERSA. LUDIO, VOCÊ QUE É MEDICO DA PREFEITURA, SEJA HOMEM E PEÇA DEMISSÃO, DA VAGA PARA OUTRO QUE QUEIRA TRABALHAR. SEJA HONESTO PELO MENOS UMA VEZ NA VIDA O PT PASSOU 16 ANOS NO PODER, E Q U E B R O U O brasil. larga mão de ser demagogo, como todos de seu partido e seguidores.

  • Florinda
    12 Jun 2019 às 10:15

    Olhe só a fala do deputado petista, esse nunca me representou, ainda mais agora com essa posição errônea.

  • Tião Soares
    12 Jun 2019 às 10:12

    O objetivo desse pessoal do PT é tentar soltar o corrupto do molusco. Agem de forma vergonhosa indo contra tudo que tenta se fazer para nos livrar da corrupção e da roubalheira. Não são a favor de justiça social coisa nenhuma, são mesmo é a favor deles mesmos. Para eles quanto pior o pais estiver melhor.

  • Wesley Ferreira
    12 Jun 2019 às 10:01

    alguém pode perguntar ao deputado qual a diferença de prova concreta? porque no caso do lula as provas não são clara e uma publucação que não terá valor probatório nenhum, até porque tal prova não possui o mínimo de repetividade e por outro lado não há um processo legal para sua colheita (não existe lastros de certeza) e segundo ele trata-se de "prova completa"? na verdade eu uso as palavras do Ministro para ele "euforia de corrupto".

  • José
    12 Jun 2019 às 09:53

    Esse deputado parece mosca, vive procurando uma m...para se sujar e depois pousar em pratos limpos.

  • "Cidadão de bens"
    12 Jun 2019 às 09:37

    CPP - Decreto Lei nº 3.689 de 03 de Outubro de 1941 Art. 254. O juiz dar-se-á por suspeito, e, se não o fizer, poderá ser recusado por qualquer das partes: I - se for amigo íntimo ou inimigo capital de qualquer deles IV - se tiver aconselhado qualquer das partes

  • PROF. ODILSON SILVA
    12 Jun 2019 às 09:35

    GOSTARIA MUITO DE INFORMAR AO SITE E AO NOBRE DEPUTADO QUE ESSAS MENSAGENS NÃO FORAM VAZADAS.. VAZADAS SÃO AQUELAS PROVENIENTES DE DELAÇÕES OU ESCUTAS DEVIDAMENTE AUTORIZADAS PELA JUSTIÇA. ESSAS AI FORAM CONSEGUIDAS ILEGALMENTE E DIVULGADAS POR UM SITE QUJO PRINCIPAL EDITOR É LIGADO AO JEAN WILLIS. OU SEJA DE MUITA CREDIBILIDADE KKK.

  • ELIAS BENARDO SOUZA
    12 Jun 2019 às 09:35

    ESSES PTRALHAS E LULARÁPIOS NÃO SE EMENDAM MESMO!!!.

  • Jorge Amaro
    12 Jun 2019 às 08:54

    Carinha! vc da nojo na gente, calado vc já esta errado abrindo a boca é uma tragédia.

Sitevip Internet