Olhar Direto

Terça-feira, 22 de outubro de 2019

Notícias / Cidades

Jovem de 28 anos morre em rotatória após colisão entre moto e carro na capital

Da Redação - Fabiana Mendes

26 Jun 2019 - 10:05

Foto: Deletran

Jovem de 28 anos morre em rotatória após colisão entre moto e carro na capital
Uma mulher identificada como Maria Gessica de Queiroz, de 28 anos, morreu em colisão entre uma motocicleta CB 300 e um carro, na manhã desta quarta-feira (26), na Avenida Doutor Meireles, próximo de uma rotatória, no bairro Tijucal, em Cuiabá.

Leia mais:
Ex-jogador de time mato-grossense é detido por agredir a ex-namorada

O acidente fatal aconteceu por volta das 7 horas. As circunstâncias do acidente ainda deverão ser apuradas. No entanto, testemunhas informaram que a mulher trafegava sentido ao bairro Tijucal quando colidiu de frente com um Onix, ao tentar se desviar de um Uno, que teria parado na faixa de pedestres.
 
O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) esteve no local, mas apenas constatou o óbito da vítima. A Delegacia Especializada de Delitos de Trânsito (Deletran) foi acionada para apurar o caso. A Perícia Técnica (Politec) também foi acionada.

11 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Paulo
    27 Jun 2019 às 12:06

    Pra quem fura semáforo fechado, pode ter todo tipo de sinalização que não vai respeitar. E são muitos....... Um ato imprudente que tenho visto constantemente é motociclistas digitando e pilotando, olha a que ponto chegam.

  • Marcos Silva
    27 Jun 2019 às 09:59

    Existe um conjunto de fatores que ocasionam esse tipo de acidente: Distração no volante ou na direção da moto, uso de celular enquanto dirige, pressa de chegar logo ao destino. Infelizmente muitas vidas são perdidas por causa disso, costumo dizer que tem gente que morre por bobeira.

  • Demair Lobão.
    27 Jun 2019 às 09:20

    Tem que criarem uma lei,onde as motocicletas não ultrapassem,a 50 km por hora. Tem dois tipos de pilotos de motos!! Os MOTOQUEIROS, São aqueles que não estão nem ai,para a própria vida,piorou a dos outros. E tem os Motociclistas,aqueles que cumprem as leis de transito. Infelizmente esses são a minoria. Não é a mota que mata,mas sim quem esta pilotando. A pressa,e a "esperteza",são seus maiores inimigos.

  • Vladimir palma pinto da fonseca
    27 Jun 2019 às 08:26

    Foi enfrente do condomínio flor do cerrado no tijucal meus sentimentos a familia

  • Marcos
    26 Jun 2019 às 20:08

    Enquanto os senhores condutores não respeitarem as leis e as suas vidas recolheremos seus corpos diariamnete das ruas..sem mais

  • Erlon
    26 Jun 2019 às 17:42

    Infelizmente, esse tipo de acidente estão se tornando comum, porém não podemos achar normal, temos que nos permitir ser educados, para que não haja esse tipo de acidentes.

  • Zequinha
    26 Jun 2019 às 17:09

    Com o trânsito caótico de Cuiabá ceifando vidas, o melhor que se faz é não andar de moto.

  • Marcos
    26 Jun 2019 às 15:16

    Moro bem perto dai e digo. A sinalização no local é adequada, inclusive com um quebra molas um pouco antes de onde ocorreu o acidente. Como tem ponto de ônibus dos dois lados foi colocado essa faixa que auxilia inclusive alunos de uma escola próxima. O problema é pilota-se sem considerar esse tipo de situação, de ter que parar em uma faixa de pedestres ou prever que o veículo da frente possa parar para a travessia de pedestres. Outro dia na FEB morreu um GM por causa desse mesmo tipo de distração. Infelizmente motoristas e motociclistas em geral não tem educação para o trânsito. Grande parte saem de casa pra matar ou morrer.

  • Adriano
    26 Jun 2019 às 14:39

    Se que adianta sinalização, radar, quebra molas, semáforo, não adianta de nada pois os motoristas e motociclistas são todos loucos, não respeitam leis e querem ser respeitados.

  • Cuiabano
    26 Jun 2019 às 13:52

    Muitos motoristas imprudentes. Principalmente em horário de pico. Tem uns que saem às 7:10 hs e querem chegar às 10 para 7