Olhar Direto

Terça-feira, 15 de outubro de 2019

Notícias / Cidades

Ex-deputado Valtenir Pereira e dois ex-prefeitos são alvos de operação da PF em Mato Grosso; fotos

Da Redação - Wesley Santiago

22 Ago 2019 - 06:37

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

Ex-deputado Valtenir Pereira e dois ex-prefeitos são alvos de operação da PF em Mato Grosso;  fotos
A Polícia Federal (PF) deflagrou, na manhã desta quinta-feira (22), a segunda fase da 'Operação Tapiraguaia', com o objetivo de combater esquema de desvio de recursos públicos federais e pagamento de proprinas em duas prefeituras de Mato Grosso. Entre os alvos estão o ex-deputado federal e atual suplente, Valtenir Pereira (MDB). O ex-prefeito da cidade de Confresa, Gaspar Lazari foi preso. Já  a residência de um  ex-prefeito de Nova Serra Dourada Edson Yukio Ogatha  foi alvo de mandado de busca.

Participam da ação mais de 30 policiais federais e servidores da Controladoria-Geral da União (CGU), que cumprem 12 mandados de busca e apreensão, três prisões preventivas e sete medidas cautelares nos municípios mato-grossenses de Cuiabá, São Félix do Araguaia, Serra Nova Dourada, Bom Jesus do Araguaia, Apiacás e também em Brasília (DF).

O mandado contra Valtenir Pereira seria de busca e apreensão. São alvos da operação, além do ex-deputado federal, dois assessores, dois prefeitos, uma presidente de comissão de licitação, dois engenheiros fiscais e um assessor jurídico. 

Outro nome que é alvo da operação é o ex-prefeito de Confresa, Gaspar Lazzari (PSD),que foi denunciado em abril deste ano pelo Ministério Público Federal (MPF) em Barra do Garças, sob acusação de fraudes nos processos licitatórios referentes às áreas de saúde, educação e infraestrutura rural do município.

Ainda conforme o apurado pela reportagem, o ex-procurador do município de Serra Nova Dourada, Marcelo Luiz Faustino Pereira, foi preso preventivamente. Atualmente ele trabalha como assessor parlamentar.   Os policiais efetuaram a prisão em um hotel de Cuiabá onde ele estava hospedado.

A segunda fase é resultado da análise dos dados bancários e dos objetos apreendidos durante a primeira fase da operação, ocorrida em 30 de janeiro deste ano. O material aponta que o ex-deputado teria montado um esquema criminoso em conluio com empresários e prefeitos de Confresa e Serra Nova Dourada.

Segundo as investigações da Polícia Federal, mais de R$ 600 mil teriam sido utilizados para pagamento de proprina. 

Os investigados irão responder por organização criminosa, corrupção, lavagem de dinheiro, desvio de recursos públicos e crimes licitatórios, podendo pegar até 40 anos de prisão.

Os mandados foram expedidos pela Justiça Federal de Barra do Garças/MT, que também determinou o sequestro de bens e valores.

O nome da operação faz referência à palavra “Tapiraguaia”, primeiro nome do município de Confresa/MT. O termo é uma junção das palavras “Tapirapé” e “Araguaia”, dois rios da região norte mato-grossense.

Atualizada às 06h53. Mais informações em instantes.

13 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • INDIGNADA COM ENSINO FRACO
    23 Ago 2019 às 13:34

    ENQUANTO ISSO AS CRIANAS ESTÃO SEM LIVROS NA REDE ESTADUAL, VERGONHA É CRIME HEDIONDO ,MAURO MENDES E SECRETARIA DA EDUCAÇÃO MARIONEIDE ANGELICA ,CADÊ OS LIVROS ? É O BÁSICO!

  • Chico Bento
    22 Ago 2019 às 13:39

    A fatura chegou. Está na hora do acerto de contas.

  • jose ricardo
    22 Ago 2019 às 11:31

    Defensor do governo mais incompetente e corrupto da história do Brasil. Beijava os pés (grandes) da Dilma. Mais cedo ou mais tarde você vai ver o sol nascer quadrado.

  • claudio José Sônego
    22 Ago 2019 às 10:26

    O ex-deputado sempre se disse ser honesto,e agora? Ele foi contra a queda da Dilma e troca mais de partido do que camisa.Amigo do raposão Bezerra e sempre namorando a esquerda.

  • Zeca
    22 Ago 2019 às 10:03

    Por isso que o Congresso está fazendo a Lei do abuso de autoridade. Para não serem presos! 80% dos parlamentares devem para a justiça. Corruptos!

  • Maria Taquara
    22 Ago 2019 às 09:39

    Nao eh a primeira vez que o nome dele circula junto de mal feitos

  • Welington Almeida
    22 Ago 2019 às 09:36

    Valtenir esta apto para filiar-se ao PT!!! Nunca me enganou com a conversinha mole.

  • trabalhador
    22 Ago 2019 às 09:12

    to começando acreditar pode ate demorar mais a conta chega pode dizer que a justiça vai ser feita cuiabá sendo passada a limpo ,cuiabá colocando tudo no lugar, a conta chega como chega,

  • kleber
    22 Ago 2019 às 08:23

    meu deus mais um furo desse dep.valtenir

  • cidão
    22 Ago 2019 às 07:57

    To começando a acreditar que a justiça tarda mas não falha. Foi só acabar o foro privilegiado. kkkkk

Sitevip Internet