Olhar Direto

Segunda-feira, 10 de maio de 2021

Notícias | Política MT

GUERRA DE COMUNICAÇÃO

“Macron está surfando nas cinzas da Amazônia”, critica Mauro Mendes em reunião com Bolsonaro

Foto: Reprodução TV Brasil

“Macron está surfando nas cinzas da Amazônia”, critica Mauro Mendes em reunião com Bolsonaro
Em reunião com o presidente da República Jair Bolsonaro (PSL) e outros oito governadores de estados que compõe a Amazônia Legal, em Brasília (DF), na manhã desta terça-feira (27), o governador Mauro Mendes (DEM) criticou as últimas declarações do presidente francês Emmanuel Macron e afirmou que o líder europeu está usando as queimadas na floresta para beneficiar os produtores rurais de seu país, que são concorrentes diretos do agronegócio mato-grossense.

Leia também
Prefeito quer assinar em até 24h decreto rompendo concessão do Parque Tia Nair a empresa


Em seu tempo de fala, Mendes disse o presidente francês não está preocupado com o meio ambiente na América do Sul e está usando as cinzas da floresta Amazônica para faturar politicamente.

“O que me preocupa mais é esta guerra de comunicação que estabeleceu e está sendo patrocinada pelos nossos principais concorrentes mundiais. O senhor Macron, que é um concorrente dos nossos produtos no agro, ele está surfando nas cinzas da Amazônia, quando queima, mas na verdade ele não está preocupado com o nosso meio ambiente. Ele veio com esta conversa na mídia internacional para criar barreiras verdes, ligadas a esta questão de um possível comportamento não adequado aqui no nosso país”, disse o governador mato-grossense.

Ainda conforme o governador, o momento agora é de dar apoio às Forças Armadas, para pôr fim nas queimadas para não piorar ainda mais a imagem do agronegócio e do meio ambiente do país.

“Neste momento temos que priorizar as ações das nossas Forças Armadas, para apagar estes incêndios. Em um ou dois meses no máximo isso acaba, porque vamos conseguir ter eficiência e vem as chuvas em tempos muito próximos. O desmatamento ilegal é um trabalho contínuo, que tem que ser melhorado, porque isso afeta a imagem de nosso país nesta questão ambiental”, avaliou.

O presidente Jair Bolsonaro recebeu no Palácio do Planalto os nove governadores de estados da Amazônia Legal para discutir formas de combater as queimadas na região. O encontro foi solicitado pelos governadores para definir providências imediatas nas áreas afetadas.

A Amazônia Legal abrange os estados do país que tem a presença da floresta em seu território. Além de Mato Grosso, também fazem parte do grupo, todos os estados da região Norte e o Maranhão.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet