Olhar Direto

Sábado, 21 de setembro de 2019

Notícias / Cidades

Delegada diz que quadrilha envolvida em tentativa de latrocínio é de alta periculosidade: “Entram para matar”

Da Redação - Wesley Santiago

11 Set 2019 - 08:31

Foto: Fabiana Mendes/Olhar Direto

Delegada diz que quadrilha envolvida em tentativa de latrocínio é de alta periculosidade: “Entram para matar”
A delegada Elaine Fernandes da Silva, titular da Delegacia de Roubos e Furtos de Várzea Grande (Derf/VG), afirmou que a quadrilha envolvida na tentativa de latrocínio [roubo seguido de morte] de um empresário do ramo de embalagens, ocorrido na noite de segunda-feira (9), no bairro Parque Atlântico, em Várzea Grande (região metropolitana de Cuiabá) é de alta periculosidade. “Eles entram para matar”, afirmou.

Leia mais:
Empresário reage a assalto em residência e é baleado por um dos criminosos
 
Membros da quadrilha, Willian da Silva, de 22 anos e Diego Jesus da Silva, de 20 anos, já foram presos em rápida ação conjunta entre o 4º Batalhão da Polícia Militar e a Delegacia de Roubos e Furtos de Várzea Grande. Outros dois já foram identificados, sendo um deles um adolescente, envolvido em outros crimes.
 
“O adolescente infrator é uma figurinha carimbada, velho conhecido da Polícia. Na verdade é adolescente só na idade biológica, mas já tem uma extensa ficha na prática, inclusive de tentativa de latrocínio. Ele já responde por outro crime deste”, disse a delegada.
 
Elaine ainda acrescentou que a quadrilha é de alta periculosidade. “Se trata de uma associação criminosa que tem esse adolescente como integrante. São de altíssima periculosidade e não medem a consequência. Na verdade eles entram para matar. Bandido não tem ética”.
 
O caso
 
De acordo com a Polícia Militar, as equipes foram acionadas por volta das 22h30 para atender uma ocorrência de roubo a residência onde a vítima teria sido alveja por disparos de arma de fogo. De acordo com as informações, três suspeitos entraram na residência e anunciaram o roubo, a vítima reagiu partindo para cima de um dos assaltantes. Houve luta corporal e um terceiro assaltante disparou contra a vítima.
 
Após isso, os suspeitos fugiram da residência deixando cair alguns pertences pessoais e a arma de fogo utilizada na ação. A Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) esteve no local para isolar a área e recolher a arma e os pertences dos criminosos. A vítima foi socorrida por familiares e levada para o Pronto Socorro de Várzea Grande para receber atendimento médico.
 
Uma testemunha afirmou ter ouvido um criminoso sendo chamado pelo apelido de “Café” durante o roubo. Os policiais mostraram para a vítima algumas fotos de suspeitos com o mesmo nome e um deles foi reconhecido por ela como sendo um dos homens que participaram da ação criminosa.

2 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • fpg
    11 Set 2019 às 13:26

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

  • Jose Olavo
    11 Set 2019 às 09:45

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

Sitevip Internet