Olhar Direto

Sábado, 19 de outubro de 2019

Notícias / Cidades

Homem que matou empresária asfixiada é preso pela Polícia

Da Redação - Fabiana Mendes

17 Set 2019 - 16:10

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

Homem que matou empresária asfixiada é preso pela Polícia
A Polícia Civil prendeu Valdir Gomes de Lima, 45 anos, por suspeita de matar a empresária Maria Lucia Lustosa Sabino, de 54 anos, por asfixia na madrugada do último sábado (14), no bairro Jardim Aeroporto, em Várzea Grande. O mandado de prisão temporário (30 dias) foi cumprido pela  Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). 

Depois de cometer o crime, o homem teria enviado um áudio pelo WhatsApp para seu patrão dizendo que havia matado Mária e que iria se matar em seguida. Apesar do anúncio do suicídio, ele não concretizou a ameaça.

Leia mais:
Empresária foi morta por asfixia e suspeito mandou áudio falando que iria se matar

O feminicídio aconteceu no apartamento onde a mulher morava, no residencial Nova Várzea Grande. testemunhas disseram que ele teria fugido com uma motocicleta Honda Twitter, de cor vermelha.

De acordo com informações da Polícia Militar, uma equipe foi acionada e encontrou a mulher já em óbito. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) informou que a morte teria sido provocada possivelmente por asfixia.

À Polícia, o sobrinho da vítima contou que teria ido até a casa, mas ninguém saiu. Com isso, arrombou a porta e encontrou a tia em cima da cama.

O patrão do suspeito informou também que teria recebido um áudio, por meio do WhatsApp, em que Valdeir relatava que tinha matado a mulher. “Matei a Lucia e vou me matar”, descreve o boletim de ocorrência.

A delegada responsável pelas investigações, Eliane Moraes, representou pela prisão temporária do suspeito após ouvir testemunhas e levantar elementos comprobatórios. Ao se apresentar na DHPP, nesta terça-feira (17), Valdir já estava com a ordem de prisão decretada pela Justiça, a qual foi devidamente cumprida.

Interrogado, o suspeito confessou o crime e disse que matou a vítima durante uma discussão. “Ele alegou que a vítima começou a xingá-lo, ocasião em que ele perdeu a cabeça e não viu o momento em que a enforcou”, contou a delegada.

O corpo da empresária foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para exame de necropsia.

5 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Duvidoso
    18 Set 2019 às 00:46

    Moto Honda Twitter ou honda Instagram????

  • Jose
    17 Set 2019 às 23:41

    Ué, não ia se matar? Precisa de ajuda tranqueira?

  • Vanderlei
    17 Set 2019 às 20:14

    Essa tal Fabiana Mendes é confusa ... a mulher foi morta em 2 bairros diferentes ? Em outra matéria disse que o carro caiu no barranco do Rio Cuiabá no bairro Ipase ... o Rio Cuiabá tá passando no Ipase agora ???

  • marcelo
    17 Set 2019 às 17:04

    prisão perpetua para marginal.

  • Chico Bento
    17 Set 2019 às 16:53

    Afinal de contas o crime foi no Jardim Aeroporto, ou no Nova Várzea Grande? A matéria diz os dois!

Sitevip Internet