Olhar Direto

Sexta-feira, 15 de novembro de 2019

Notícias / Cidades

Presa quadrilha que torturou vítimas durante oito horas em roubo a residência

Da Redação - Wesley Santiago

23 Out 2019 - 16:22

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

Presa quadrilha que torturou vítimas durante oito horas em roubo a residência
Um trabalho integrado das polícias Judiciária Civil e Militar de Sinop (447 quilômetros de Cuiabá) prendeu cinco integrantes de uma quadrilha, responsável por um assalto a residência em que as vítimas foram agredidas e feitas reféns durante oito horas. O crime foi registrado no dia 01º de outubro deste ano.

Leia mais:
Membros de ‘Tribunal do Crime’ investigados em seis homicídios e torturas são presos em operação
 
As investigações conduzidas pela Delegacia Especializada de Roubos Furtos (Derf Sinop) levaram a prisão de Gabriel Batista Alexandre, 20; Vilian de Lima Gonçalves, 18; Ruan Felipe dos Santos Bezerra, 19 e Michael Ribeiro da Silva, 18, pelos crimes de roubo majorado, associação criminosa e corrupção de menores.
 
O menor, D.W.S.P., 16, foi autuado no ato infracional análogo a roubo e associação criminosa.
 
O roubo aconteceu no dia 1º de outubro, quando os criminosos fortemente armados invadiram a casa da família e iniciaram as agressões contra as vítimas. Os assaltantes ficaram aproximadamente oito horas na residência, torturando as vítimas e exigindo dinheiro e bens de valor. Após o período, os criminosos fugiram levando grande quantidade de objetos da casa, além da caminhonete da família.
 
Os suspeitos, Gabriel e o adolescente D.W.S.P. foram detidos poucas horas após o crime na Rodovia BR-174, no município de Glória D'Oeste. Os suspeitos trafegavam com a caminhonete Chevrolet S-10 da vítima, quando foram abordados por policiais militares, dando início a uma perseguição policial. Após serem detidos, os jovens confessaram a participação no roubo no dia anterior.
 
Em continuidade as investigações, a equipe da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Sinop conseguiu identificar outros integrantes da quadrilha envolvidos no crime, sendo represento pelo mandado de prisão contra os suspeitos, as quais foram deferidas pela Justiça.
 
Um dos suspeitos, Vilian de Lima, foi preso em flagrante no dia 10 de outubro, ocasião em que foi flagrado em posse de uma arma de fogo calibre 38, com quatro munições intactas. Os suspeitos, Ruan Felipe, e Michael Ribeiro, tiveram os mandados de prisão cumpridos na segunda e terça-feira (21 e 22.10), em ações distintas da equipe da Polícia Civil e Militar.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Sitevip Internet