Olhar Direto

Terça-feira, 12 de novembro de 2019

Notícias / Política MT

Reforma do ‘antigo’ PS deve durar 2 anos e já conta com R$ 18 mi viabilizados por Jayme e Emanuelzinho

Da Redação - Vinicius Mendes

31 Out 2019 - 18:05

Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto

Reforma do ‘antigo’ PS deve durar 2 anos e já conta com R$ 18 mi viabilizados por Jayme e Emanuelzinho
O prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) disse que as obras de reforma no antigo Pronto Socorro Municipal de Cuiabá (PSMC) terão duração de 24 meses, com orçamento de R$ 35 milhões. De acordo com Emanuel, o deputado federal Emanuelzinho (PTB) e o senador Jayme Campos (DEM) já obtiveram R$ 18 milhões para o custeio da obra, que deve começar após a inauguração da última etapa do Hospital Municipal de Cuiabá.
 
Leia mais:
Urgência e emergência de antigo PSMC fecha na manhã seguinte à inauguração do HMC, diz prefeito
 
Emanuel afirmou que ainda deve apresentar uma maquete que representará como ficará o antigo Pronto Socorro após a reforma. O prefeito disse que a obra ainda será licitada e está orçada em R$ 35 milhões. O financiamento deve vir de Brasília.
 
“Emanuelzinho e o Jayme já arrumaram R$ 18 milhões. A obra está orçada em R$ 35 milhões e eu ainda vou lançar a licitação. Para o ano que vem o Emanuelzinho já foi atrás do recurso. Para 2021 eu vou estar pedindo R$ 1,7 milhão de cada um dos 11 membros da bancada”, afirmou o prefeito.
 
O prefeito afirmou que irá se reunir com a bancada federal de Mato Grosso. Com mais de 30 anos sem reforma, o PSMC deverá receber uma nova formatação tão logo a terceira e última etapa do Hospital Municipal de Cuiabá seja entregue à população.
 
O projeto da gestão Emanuel Pinheiro é submeter à unidade, que recebe mais de 60% de pacientes de outros municípios do Estado, a uma grande reforma estrutural e, após isso, transformá-la em Hospital da Família (H-FAM).
 
Na nova formatação, o gestor espera atender um número maior de cuiabanos ofertando-os as especialidades: Materno Infantil, unidade referencial para idosos, Saúde Mental e ainda leitos para pequenas cirurgias e retaguarda para o HMC e para o Hospital Municipal São Benedito. Apesar das obras, a ala da pediatria e os mais de 50 leitos devem continuar em operação, já que recentemente passaram por reformas.

1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Luma
    01 Nov 2019 às 10:35

    Esperamos que essa reforma não seja apenas maquiagem.

Sitevip Internet