Olhar Direto

Sexta-feira, 22 de novembro de 2019

Notícias / Cidades

Justiça autoriza quebra de sigilo telefônico de influenciadora digital após atropelamento e morte de criança

Da Redação - Patrícia Neves

08 Nov 2019 - 09:21

Justiça autoriza quebra de sigilo telefônico de influenciadora digital após atropelamento e morte de criança
A Justiça autorizou a quebra de sigilo telefônico da digital influencer Lidiane Campos, esposa do ex-deputado Adilton Sachetti. Ela é investigada pelo atropelamento e morte de uma criança de três anos. A medida irá auxiliar as investigações conduzidas pela delegada Ludmila Vendramel, que pediu urgência na perícia para que o inquérito que apura o caso seja concluído.

O acidente foi registrado na data de 11 de agosto, no cruzamento entre as avenidas XV de Novembro e Tirandes, em Rondonópolis (a 215 quilômetros de Cuiabá) e deixou feridos ainda o pai do garoto, Marcos Souza da Costa, 30 anos e Dayane Palmeiras dos Santos, 35 anos. Após o acidente, Lidiane deixou o local, mas se apresentou perante à Polícia no dia 14 de agosto.

Leia Mais:
Delegado descarta abuso sexual em morte de jornalista por causa de R$ 3

Laudo da Perícia Oficial de Identificação Técnica (Politec) aponta que a influenciadora digital não teria respeitado a sinalização e invadido a preferencial na noite do acidente. Ela atingiu uma motocicleta onde estavam três pessoas, sendo uma delas o menino que faleceu.

O acidente

Conforme as informações do boletim de ocorrências, a esposa do ex-deputado seguia em uma Toyota Hilux quando chegou ao cruzamento das duas avenidas. O casal e a criança vinha em uma motocicleta, que acabou atingida pela caminhonete.

Com G1
Sitevip Internet