Olhar Direto

Sábado, 14 de dezembro de 2019

Notícias / Política MT

Senador e deputados destinam emenda de R$ 790 milhões para o VLT

Da Redação - Carlos Gustavo Dorileo

11 Nov 2019 - 14:51

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

Senador e deputados destinam emenda de R$ 790 milhões para o VLT
O senador Jayme Campos (DEM), que assina juntamente com o deputado Emanuelzinho (PTB) entre outros parlamentares federais, emenda no Plano Plurianual 2020/2024, no valor de R$ 790 milhões para conclusão do Veiculo Leve Sobre Trilhos (VLT), voltou a cobrar dos governos federal e de Mato Grosso uma solução para o impasse.

Leia também
Governo de MT acompanha crise na Bolívia e garante que fornecimento de gás não corre riscos


De posse de estudos técnicos apresentados no Seminário Folha de São Paulo, sobre mobilidade e inovação, Campos sinalizou que os mesmos demonstram que o custo socioeconômico da mobilidade urbana no Brasil, (o que atinge ao aglomerado Cuiabá/Várzea Grande, as duas principais cidades de Mato Grosso), cresceu 7% em um ano e se aproxima de meio trilhão de reais.

“Só o tempo em que as pessoas gastam no deslocamento entre casa-trabalho resulta em um prejuízo de mais de R$ 111 bilhões, recursos mais do que suficiente para iniciar as transformações necessárias em termos de mobilidade urbana”, disse o parlamentar.
Ele ainda disse que irá solicitar os estudos apresentados pela Associação Nacional de Transportes Públicos que demonstram que o gasto com transporte já pesa mais no bolso das famílias brasileiras do que as despesas com alimentação.

No Brasil, crescem também as perdas globais com falta de planejamento urbano, ausência de políticas públicas adequadas e horas perdidas nos deslocamentos. Jayme Campos explicou que o relatório aponta que o custo sócio-econômico da mobilidade urbana foi estimado em R$ 483,3 bilhões anuais, um valor 7% maior se comparado com o ano anterior.

“Estes dados são de 2016, então, tenho certeza de que estes valores já são maiores, pressionados por aumento de passagens de transportes coletivos e falta de investimentos”, disse o senador por Mato Grosso lembrando que a situação é tão critica que no ano de 2020, o governo federal prevê investimentos de R$ 19 bilhões, ou seja, nada comparado com a necessidade.

“Compreendo que existem outras prioridades imediatas, mas precisamos destravar. Ou retomamos o VLT ou partimos para outro modal, o que não pode ficar é Cuiabá e Várzea Grande, além de sua população padecendo com um transporte coletivo ineficiente e oneroso para as famílias de trabalhadores”, disse o senador.

Lendo trecho da reportagem, Jayme Campos explicou que o relatório aponta que o custo sócio econômico da mobilidade urbana foi estimado em R$ 483,3 bilhões anuais, um valor 7% maior se comparado com o ano anterior. “Estes dados são de 2016, então, tenho certeza de que estes valores já são maiores, pressionados por aumento de passagens de transportes coletivos e falta de investimentos”, disse o senador por Mato Grosso lembrando que a situação é tão critica que no ano de 2020, o Governo Federal prevê investimentos de R$ 19 bilhões, ou seja, nada comparado com a necessidade.

“Por isso defende a retomada das obras do VLT. Disse isto ao governador Mauro Mendes durante a entrega de mais uma obra deixada pela gestão anterior e concluída agora que foi a duplicação de trecho da Rodovia que demanda Cuiabá, Acorizal, Rosário Oeste, Nobres e todo o Norte de Mato Grosso e do Brasil, pois obra parada é prejuízo dobrado. Compreendo que existem outras prioridades imediatas, mas precisamos destravar. O retomamos o VLT ou partimos para outro modal, o que não pode ficar é Cuiabá e Várzea Grande, além de sua população padecendo com um transporte coletivo ineficiente e oneroso para as famílias de trabalhadores”, disse o senador que se reuniu com o ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto que comanda a Comissão Técnica que ficou de apresentar um estudo sobre a retomada do VLT no primeiro trimestre de 2020.

Ainda em cima do relatório da ANTP, Jayme Campos sinalizou que o cálculo apresentado considerou as informações de 533 cidades com mais de 60 mil habitantes, (o que envolve Cuiabá e Várzea Grande que juntas tem 1 milhão de habitantes e são vizinhas), nas quais vivem 133,5 milhões de pessoas (65% da população) e por onde circulam 39 milhões de veículos.

Jayme ainda ponderou que 18,1% de gastos com transportes é a média do Brasil e quando se trás o estudo para o Centro Oeste, no qual está Mato Grosso, este percentual sobe para 21%, maior que todas as demais regiões do Brasil,  Sul com 20,6%; Sudeste com 17,5%; Norte com 16,6% e Nordeste com 16,2%.

“Se levarmos em consideração uma família média de Cuiabá e Várzea Grande, com quatro pessoas, pagando duas passagens (R$ 4,10 valor da passagem) por dia para trabalhar, estudar ou para outros afazeres, durante 26 dias, tirando apenas os domingos, teremos um gasto absurdo de R$ 852,80 mensais, quase a totalidade de um salário mínimo que é de R$ 998,00”, ponderou o senador. (Com assessoria)

7 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Xavier
    12 Nov 2019 às 10:20

    Virou "Vergonha " Nacional. Vão gastar mais dinheiro do povo com pesquisas. E tome obra parada. ACORDA BRASIL.

  • Cuiabano
    11 Nov 2019 às 19:19

    Santo de óculos!!! Cabeça de bacalhau!!!! E o VLT de Cuiabá!!!! Só acredito vendo

  • Sergio
    11 Nov 2019 às 18:24

    Parabéns Senador e Dep. Melhor medida tomada.

  • Luis Mello
    11 Nov 2019 às 17:45

    Então esse trem vai sair uai!

  • Luiz Cuiabano
    11 Nov 2019 às 17:07

    Parabéns pela iniciativa do Senador Jaime Campos,urgente se faz uma decisão da retomada da obra do VLT e transformar esse vazio num transporte bonito,moderno e eficiente para os trabalhadores de Cuiabá e VG!!

  • Leandro Batista
    11 Nov 2019 às 15:28

    Parabéns ao Senador Jaime campos pelo empenho na retomada das obras do VLT. Sabemos a necessidade e importância de um modal transporte eficiente que condiz com a necessidade da população!.

  • Oto
    11 Nov 2019 às 15:08

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

Sitevip Internet