Olhar Direto

Quarta-feira, 11 de dezembro de 2019

Notícias / Cidades

Operação de final de ano reforça blitzes e amplia em 30% policiamento em MT

Da Redação - Fabiana Mendes

22 Nov 2019 - 11:52

Foto: Rogério Florentino Pereira/OD

Operação de final de ano reforça blitzes e amplia em 30% policiamento em MT
A Polícia Militar lançou na manhã desta sexta-feira (22) a Operação Final de Ano de forma simultânea nos 15 Comandos Regionais de Mato Grosso. A operação vai reforçar em 30% o policiamento preventivo e a repressão à criminalidade, inclusive com blitzes, até o dia 1º de janeiro de 2020. Cerca de 1.530 policiais e 200 viaturas, entre carros e motocicletas, estarão nas ruas diariamente, principalmente, em áreas comerciais, como o Centro de Cuiabá e outros locais de concentração de consumidores.

Leia mais:
Criminosos invadem casa de advogado em bairro nobre e fazem família refém durante assalto

"A ideia é trabalhar as atividades ostensivas da Polícia. São barreiras, blitzes, abordagens. Trabalhar com firmeza no sentido de tirar de circulação criminosos que estejam com intenção ou que estejam praticando crimes na nossa grande baixada cuiabana e em todo estado mato-grossense. Vamos trabalhar alinhados com a atividade de inteligência, que está em contato com a inteligência de outros órgãos para tentar mapear aquelas possíveis pessoas que estão tentando promover ações delituosas. A ideia é levar o máximo de policiais militares para a rua nesse dois últimos meses do ano, para tentar manter os nossos índices criminais ,que diga-se de passagem, são os melhores nos últimos dez anos", afirmou o comandante-geral da Polícia Militar, coronel José Jonildo Assis.
 
O planejamento estratégico da Operação Final de Ano também prevê o acompanhamento diário dos índices criminais pela Superintendência de Planejamento e Estatísticas(Spoe), com a finalidade de avaliar o policiamento e fazer mudanças ou adequações de acordo com as necessidades apontadas. Prevê ainda, a atuação do Serviço de Inteligência no monitoramento de locais e situações relacionadas a práticas criminosas.
 
As ações de policiamento específicas de final de ano serão incorporadas à Operação Guardião III, desenvolvida pelo Comando Especializado da PMMT, que reúne os Batalhões Bope, Rotam, Ambiental, Trânsito e Cavalaria.
 
O comandante do 1º Comando Regional, coronel Esnaldo de Souza Moreira, disse ao Olhar Direto que a população também irá contar com cerca de 120 novos soldados, que concluíram o curso de formação pela Escola Superior de Formação de Praça (Esfap).
 
"Estamos com um incremento, além do efetivo com diminuição na parte administrativa, teremos o incremento  dos soldados recém-formados que estarão atuando na área central para reformar o policiamento. Na área central é um policiamento diferenciado. É a presença física, com o militar a pé que dá aquela sensação de segurança para aquelas pessoas que vêm para a área central fazer as compras", disse.
 
Vice-presidente do Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Mato Grosso (Fecomércio-MT), Manoel Procópio, comemorou o reforço policial. " Pela primeira vez se cria um efetivo especificamente para o centro de Cuiabá. O comandante anunciou 78 policiais praticamente para o centro da cidade. Isso vai fazer com que a população enxergue em todos os lados do centro da cidade um policial trazendo segurança para o consumidor que vem para o centro da cidade".
 
Contudo, ele afirma que a entidade tenta manter esse reforço ao anoitecer. "A Federação do Comércio, assim como as outras entidades, vêm trabalhando junto as autoridades no sentido de fazer com que essa segurança seja permanente, não só durante o dia, pois o grande problema hoje para o centro da cidade, é que a partir das 20 horas, ele fica praticamente abandonado. Essas entidades vêm trabalhando com as autoridades e agora também com o comandante da Polícia Militar para se criar um batalhão especifico no centro da cidade, inclusive já temos um imóvel previsto para que seja instalado esse batalhão para que realmente o centro tenha um policiamento permanente".
 
 

3 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Cidadão
    22 Nov 2019 às 17:06

    Enquanto isso o poder judiciário, que já recebeu seu RGA , entra em recesso...

  • Cárcereiro
    22 Nov 2019 às 13:22

    CADÊ o RGA, CADÊ O FARDAMENTO

  • Ares
    22 Nov 2019 às 12:44

    Se há um dinheiro público bem empregado são nas POLICIAS são as POLICIAS que realmente promovem democracia no país o resto é só falácia

Sitevip Internet