Olhar Direto

Sábado, 07 de dezembro de 2019

Notícias / Cidades

Após suspensão de cirurgias no HG, Governo convoca reunião para avaliar fluxo de repasses aos Filantrópicos

Da Redação - Fabiana Mendes

03 Dez 2019 - 11:45

Foto: Rogério Florentino Pereira/OD

Após suspensão de cirurgias no HG, Governo convoca reunião para avaliar fluxo de repasses aos Filantrópicos
Depois do Hospital Geral anunciar suspensão de cirurgias e internações alegando atraso nos repasses dos pagamentos do contrato firmado com a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), o Governo de Mato Grosso convocou uma reunião, nesta terça-feira (03), para debater e avaliar os fluxos dos repasses financeiros que são destinados aos Hospitais Filantrópicos.

Leia mais:
Hospital Geral suspende atendimento e cancela cirurgias por falta de repasses

Por meio de nota, o Governo afirmou que está rigorosamente em dia com as transferências aos municípios. A gestão disse que busca entender os problemas e viabilizar soluções para o atual cenário, que engloba outras três unidades de saúde da Capital – o Hospital do Câncer, o Hospital Santa Helena e o Instituto Lions da Visão.  

“A partir deste diálogo direto com os representantes das unidades filantrópicas, será possível traçar um diagnóstico da situação e, possivelmente, trabalhar em soluções para essa grave questão”, declarou o secretário estadual de Saúde, Gilberto Figueiredo.

De acordo com a direção do HG, a dívida atual se acumula desde dezembro de 2018, no valor total de 5,8 milhões, por parte da Prefeitura de Cuiabá.  Ainda conforme o Hospital, todos os valores em atraso cobrados da SMS de Cuiabá referem-se a produções supervisionadas, auditadas in loco e já faturadas no sistema do Ministério da Saúde do contrato vigente.

Sobre os repasses do Município para o Hospital Geral, a Secretaria Municipal de Saúde informou, por meio de nota, que a Pasta está no período de recontratualização dos serviços dos hospitais filantrópicos.

Veja nota na íntegra:

-A Secretaria está no período de recontratualização dos serviços dos hospitais filantrópicos.
-Os serviços estão sendo auditados para a Secretaria confirmar quais estão efetivamente sendo realizados, pois existem indícios de baixa produtividade por parte do hospital.
-Após o fechamento do quantitativo, o processo será liquidado e chegará à Secretaria para ser pago. Ao chegar liquidado, será pago imediatamente os serviços que forem auditados. A previsão é que no mês de dezembro este processo já tenha sido finalizado.
- Somado a isso, existe também a inadimplência dos repasses que deveriam ter sido feitos pelo Estado mas que se encontram em atraso com o Município, totalizando um montante de cerca de R$ 40 milhões. 
- A Secretaria reforça que é lamentável a paralisação dos serviços neste período, pois quem perde a população mais necessitada.


Serviço

Pauta: Reunião com representantes dos Hospitais Filantrópicos.
Dia e hora: Terça-feira (03.12), às 15h30.
Local: Secretaria de Estado de Saúde (Rua D, S/N, Bloco 5 - Centro Político Administrativo).
 

1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Xai
    03 Dez 2019 às 13:47

    Vão acabar com o pouco que resta do SUS. Vão vendo, a cada momento é um hospital que atende a saúde pública indo ralo abaixo. O brasileiro pobre está frito e empanado!

Sitevip Internet