Olhar Direto

Sexta-feira, 21 de fevereiro de 2020

Notícias / Cidades

Concessionária troca redes de esgoto de bairro após dez anos de paralisação em obra

Da Redação - Fabiana Mendes

11 Dez 2019 - 16:20

Foto: Rogério Florentino Pereira/OD

Concessionária troca redes de esgoto de bairro após dez anos de paralisação em obra
Os moradores do bairro Jardim Renascer, região Leste de Cuiabá, irão começar o ano de 2020 com um motivo para comemorar. Com obras se saneamento paralisadas desde 2009, a comunidade teve as estruturas antiga e danificadas, renovadas pela Concessionária Águas Cuiabá, que também trouxe novas tubulações coletoras de esgoto para a localidade. Hoje, cerca de 50 profissionais trabalham nas obras, que devem ser concluídas dentro de duas semanas, conforme previsão da concessionária Águas Cuiabá.

Leia mais:
Águas Cuiabá intensifica combate a vazamentos e reparos; clientes podem acionar equipe por WhatsApp

Conforme a assessoria de imprensa, em razão do longo período de paralisação da obra, o plano de ação para a adequação e a ampliação das redes no local envolveu, a princípio, estudos de viabilidade. Posteriormente, para garantir a conclusão da rede e sua eficiência, foi necessária a reconstrução de trechos bem como a execução de obras complementares em pontos danificados. Ao fim dos trabalhos, os investimentos no local resultarão em 11.000 metros de tubulações aptas a coletar e transportar o esgoto doméstico à Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Dom Aquino, onde ele será tratado e, só então, devolvido à natureza.
 
“Todo o processo de entrega do sistema de esgotamento sanitário à comunidade do Jardim Renascer passou por análises e estudos de viabilização. Aquela era uma obra parada há quase 10 anos, o que nos demandou atenção e cuidado em prol do pleno e eficiente funcionamento das redes. Agora, estamos cada vez mais perto da conclusão e satisfeitos com a qualidade das estruturas que serão entregues à comunidade. No fim do ano, os 4.500 moradores do bairro contarão com uma nova rede que traz mais saúde e qualidade de vida à rotina de cada um”, observa o gerente de investimento, William Gomes Figueiredo.
 
Com a previsão de conclusão ao fim da segunda quinzena de dezembro, a companhia destaca, também, que suas equipes de relacionamento com a comunidade oferecerão todo suporte de informações aos moradores. “Essa ação é uma rotina da companhia. Nossa equipe estará à disposição no bairro e, dessa forma, os moradores estarão amparados com informações quanto aos prazos e ajustes para conexão ao sistema”, pontua o gerente.
 
Sistema de esgotamento – A região do Jardim Renascer integra o Sistema de Esgotamento Sanitário Dom Aquino, ou seja, faz parte do grupo de localidades que enviam seus efluentes para o tratamento na ETE Dom Aquino. O Plano de investimentos com conclusão no ano do tricentenário da capital, viabilizou o investimento de R$ 157 milhões no esgotamento sanitário do município. Desse montante, R$ 57 milhões foram destinados exclusivamente a esse sistema e resultaram na ampliação da ETE, na construção de novas Estações Elevatórias de Esgoto e na instalação de novas tubulações coletoras – como as do Jardim Renascer.
 
Sobre a Águas Cuiabá – Por meio de concessão plena com validade de 30 anos, a Águas Cuiabá assumiu os serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário na capital mato-grossense em 2012. A empresa atende a 565 mil pessoas e tem como objetivo universalizar o acesso da população à água de qualidade e à coleta e tratamento de esgoto. Desde 2017, faz parte da Iguá Saneamento, companhia que está presente em 37 municípios brasileiros e que alcança 7,1 milhões de pessoas com o compromisso de ser a melhor empresa de saneamento para o Brasil.

Sobre a Iguá Saneamento - A Iguá é uma nova companhia de saneamento, controlada pela IG4 Capital, que atua no gerenciamento e na operação de sistemas de abastecimento de água e esgotamento sanitário, por intermédio de concessões e de parcerias público-privadas. Atualmente, está presente em 37 municípios de cinco estados brasileiros: Alagoas, Mato Grosso, Santa Catarina, São Paulo e Paraná, por meio de 18 operações que somadas beneficiam 7,1 milhões de pessoas. O alcance dos serviços prestados pela companhia a coloca entre os principais operadores privados do setor de saneamento do país. Em 2018, foi eleita pelo segundo ano consecutivo uma ótima empresa para se trabalhar pela consultoria Greate Place to Work (GPTW). Atualmente, emprega cerca de 1,5 mil pessoas. O nome Iguá é uma referência direta ao universo em que atua: em tupi-guarani, “ig” que dizer água.

2 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • António
    11 Dez 2019 às 23:49

    tudo mentira dessa águas Cuiabá,sou morador do bairro. eles apenas trocaram as o cano coletor que vai para rede mestre. a rede mestre continua sendo a mesma não trocaram continua sendo a mesma, só um cano de plástico de no máximo 150 mm, coisa que não vai resolver nada sempre vai continua entupida. em relação ao asfalto...serviço de péssima qualidade. asfalto que tem no máximo 4 anos ,sem contar as nossa calçadas que eles também quebraram. quer opinião é só perguntarem pros moradores.

  • silveira
    11 Dez 2019 às 16:35

    A AGUAS CUIABA deve aprimorar seus processos de controle de qualidade para os serviços terceirizados. Cada vez mais há situações inaceitáveis em relação aos reparos dos serviços de cortar asfalto, reparar asfalto. É muito precário os serviços de reparação dos serviços. Há trechos inteiros de asfaltos que ficam em situação deploravel após intervenção da concessionária. Nao se pode, em nome de reparo na rede, danificar todo o investimento do poder público, com recursos públicos, realizados na pavimentação de determinados trechos.