Olhar Direto

Terça-feira, 18 de fevereiro de 2020

Notícias / Política MT

Executiva Nacional do PSD irá recorrer ao TSE para que Fávaro assuma vaga de Selma

Da Redação - Carlos Gustavo Dorileo

12 Dez 2019 - 16:35

Foto: Rogério Florentino Pereira/ OD

Gilberto Kassab é presidente nacional do PSD

Gilberto Kassab é presidente nacional do PSD

A Executiva Nacional do PSD, liderada pelo ex-prefeito de São Paulo Gilberto Kassab, pretende recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para que o ex-governador Carlos Fávaro, terceiro colocado na disputa pelo Senado no ano passado, assuma a vaga de Selma Arruda (Pode), que foi cassada pela corte na última terça-feira (10).

Leia também
Eleição suplementar só deve acontecer depois de março e custará cerca de R$ 9 milhões


A informação foi publicada na coluna Painel do jornal Folha de São Paulo nesta quinta-feira (12). De acordo com a colunista Mariana Carneiro, o recurso terá como base a desvantagem numérica de Mato Grosso em relação aos outros Estados.

Atualmente o PSD conta com nove representantes no Senado e irá lutar para que Favaro fique com a vaga sem a necessidade de outra eleição.

O Pleno do TSE determinou com a cassação de Selma, a realização de uma nova eleição, impedindo a diplomação do terceiro colocado no pleito de 2018, o ex-vice-governador Carlos Fávaro.

O colegiado decidiu, nos termos do voto do relator, Og Fernandes, que a Constituição Federal determina uma nova eleição para senador, caso o cargo fique vago, sem suplente para substituir o titular, e faltem mais de 15 meses para o término do mandato.

Na eleição de 2018 dois senadores foram eleitos. Selma, com 678,5 mil votos,  foi a mais votada. Em segundo lugar, ficou Jaime Campos (DEM), com 490,6 mil votos.  Já Carlos Fávaro, com 434,9 mil votos ficou em terceiro e logo provocou o processo que resultou na cassação de Selma.

A decisão do TSE afirma que Selma Arruda e seus suplentes Gilberto Eglair Possamal e Clérie Fabiana Mendes cometeram abuso de poder econômico e o chamado caixa 2 ao realizarem despesas de natureza tipicamente eleitoral no valor de R$ 1,5 milhão, não contabilizadas oficialmente na prestação de contas, inclusive, em período vedado (na fase de pré-campanha).

Em entrevista à imprensa nesta quarta-feira (11), o presidente do Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso (TRE), desembargador Gilberto Giraldelli garantiu que a eleição suplementar não irá acontecer antes do mês de março de 2020 e que custará algo em torno de R$ 9 milhões aos cofres públicos.

11 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Degas
    08 Jan 2020 às 11:50

    Kassab está até o pescoço com a justiça.Santo homem!E Fávaro está com ele???Tá bom...

  • Maria
    08 Jan 2020 às 11:40

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

  • DOMINGOS SANTANA DA CRUZ
    08 Jan 2020 às 10:37

    O POVO DE MATO GROSSO NÃO ELEGEU FAVARO PARA SENADOR,NÃO SEI O PORQUE TANTA VONTADE DE SER SENADOR,SE OCORRER NOVA ELEIÇÃO NÃO VAI GANHAR.

  • Jose Roberto
    13 Dez 2019 às 08:33

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

  • Luis
    13 Dez 2019 às 08:12

    So nao vejo sentido em ter 2 eleicoes em 2020. A eleicao para o Senado deveria ser junto com as eleicoes municipais

  • tiago
    13 Dez 2019 às 08:04

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

  • Nascimento
    13 Dez 2019 às 07:45

    Como estas ações são extremamente demoradas, espero que seja o tempo suficiente para vencer o mandato de Selma e não se jogar fora uma FORTUNA COM A REALIZAÇÃO DE UMA SEGUNDA ELEIÇÃO.

  • wado
    13 Dez 2019 às 02:46

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

  • alexandre
    12 Dez 2019 às 19:43

    Disputa eleições , vaga se conquista, não se compra...

  • Luiz
    12 Dez 2019 às 18:13

    Sabe que não ganha no voto, quer levar no tapetão. Tchau Favaro

Sitevip Internet