Olhar Direto

Quinta-feira, 20 de fevereiro de 2020

Notícias / Cidades

Servente de pedreiro é espancado com barra de ferro em cobrança de dívida

da Redação - Isabela Mercuri

25 Jan 2020 - 09:33

Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto

Servente de pedreiro é espancado com barra de ferro em cobrança de dívida
Um servente de pedreiro foi espancado com uma barra de ferro na última sexta-feira (24) em Água Boa (741km de Cuiabá). O suspeito, encontrado pela Polícia Militar, disse que foi cobrar uma dívida e que foi agredido com um pedaço de mangueira antes de revidar.

Leia também:
Três homens são presos suspeitos de envolvimento em morte de travesti desaparecida há quase vinte dias

De acordo com informações da Polícia Militar e do Boletim de Ocorrência nº 2020.24722, os policiais foram acionados e informados e que havia um homem no Hospital Regional de Água Boa que havia sido agredido.

Chegando ao local, os policiais ouviram uma testemunha, que contou que trabalhava em uma obra junto com o colega, quando o suspeito apareceu e começou a mexer nos materiais d construção. A vítima, então, pediu que ele fosse embora, pois estava atrapalhando.

A testemunha saiu para pegar um saco de cimento, e começou a ouvir barulhos e gritos dentro da construção. Ao voltar, encontrou o amigo caído ao solo, todo ensanguentado, e o suspeito ao lado, com uma barra de ferro nas mãos. A testemunha gritou, e o suspeito saiu correndo. A vítima foi encaminhada ao Hospital.

Diante desta situação, os policiais saíram à procura do suspeito, e o encontraram próximo à Igreja Católica do bairro Universitário, caminhando pela calçada. Foi realizada a abordagem e, na busca pessoal, ele informou que a confusão começou porque ele foi até o local da obra cobrar uma dívida de um serviço prestado, e que durante a conversa havia sido agredido com um pedaço de madeira. Ele confessou que revidou com uma barra de ferro, dando cinco golpes na cabeça da vítima.

A Polícia constatou que a vítima possui mandado de prisão em aberto. Os dois homens foram encaminhados à Delegacia para as providências cabíveis.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Sitevip Internet