Olhar Direto

Quinta-feira, 20 de fevereiro de 2020

Notícias / Cidades

Autor de assassinato em praça é preso e alega que tinha 'rixa' com vítima

Da Redação - Patrícia Neves

29 Jan 2020 - 08:20

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

Polícia Civil agiu rápido e conseguiu prender criminoso

Polícia Civil agiu rápido e conseguiu prender criminoso

Um homicídio e outra tentativa, ocorridos na segunda-feira (27), em Juína (735 km a Noroeste de Cuiabá), foram esclarecidos pela Polícia Civil com a prisão do suspeito poucas horas após o crime. 

Leia Mais:
Bombeiros procuram por índio desaparecido há uma semana; suspeita de ataque animal

O crime ocorreu por volta de 2h30 quando a vítima, Everaldo Martins de Jesus, estacionou a sua caminhonete L-200 ao lado da Praça no Módulo 05. Em seguida, foram ouvidos disparos de arma de fogo e a vítima, foi encontrada caída já sem vida, no interior da quadra de areia. Quando o suspeito efetuou os disparos atingiu um terceiro que saía de uma lanchonete nas proximidades e que foi ferido na região do ombro.

Assim que foi acionada do homicídio consumado e tentado, a equipe da Polícia Civil de Juína iniciou as diligências, conseguindo identificar o autor dos crimes. Com base nos levantamentos, os policiais foram até a residência do investigado que afirmou estar em posse de uma arma de fogo.

O suspeito confessou a autoria do homicídio que vitimou Everaldo e disse que o crime foi motivado por uma rixa na noite anterior. Diante das evidências, ele foi conduzido a Delegacia de Juína onde foi formalmente interrogado pelo delegado Marco Bortolotto Remuzzi.

“Ele alegou que pegou o revólver para se defender, mas durante a desavença acabou atirando contra a vítima consumada, mas que não tinha intenção de atingir o terceiro com os disparos”, disse o delegado.

3 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Marcos
    29 Jan 2020 às 18:49

    Exatamente Sr Russo. Foi uma vingança. Sabe nem interpretar, quer adivinhar lado político. Se é que isso vem ao caso né.

  • Russo
    29 Jan 2020 às 13:58

    Marcos isso não é defesa, é vingança. NÃO precisa ser adivinho para saber seu lado na política.

  • Marcos
    29 Jan 2020 às 10:59

    Certo..... usou o direito de cidadão de bem, defender, não é mesmo? Agora ele não é mais um cidadão de bem.