Olhar Direto

Quarta-feira, 26 de fevereiro de 2020

Notícias / Política MT

Com pedido de sessões secretas, CPI ouvirá novamente ex-governador e ex-chefe de gabinete

Da Redação - Carlos Gustavo Dorileo

14 Fev 2020 - 14:26

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

Com pedido de sessões secretas, CPI ouvirá novamente ex-governador e ex-chefe de gabinete
O ex-governador Silval Barbosa e seu ex-chefe de gabinete, Silvio César Correa, serão os primeiros a serem ouvidos na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) criada para investigar o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), por suposta quebra de decoro e obstrução da Justiça.

Leia também
Nigro pode recuar de pré-candidatura a prefeito de Cuiabá para assumir suplência de Leitão


As datas foram comunicadas durante a primeira reunião da CPI, na manhã desta sexta-feira (14), após a decisão judicial determinando a retomada dos trabalhos.

“Como já tinham sido definidas as oitivas, nós comunicamos hoje as datas, dando sequência ao trabalho da CPI. São as primeiras deliberações, já que não podem ser reaproveitadas as oitivas feitas anteriormente”, disse o presidente Marcelo Bussiki (PSB).

O primeiro a ser ouvido será Silvio César Corrêa, cujo depoimento está marcado para 19 de fevereiro. Ele foi responsável por gravar o prefeito Emanuel Pinheiro recebendo maços de dinheiro e os colocando no paletó. O dinheiro, segundo delação de Silval Barbosa, seria propina para que Pinheiro apoiasse os projetos do Executivo na época em que era deputado estadual, entre os anos de 2012 e 2013.

Na sequência, em 02 de março, será a vez do próprio ex-governador Silval Barbosa, que anexou o vídeo gravado por Silvio Corrêa em sua delação premiada formalizada junto à Procuradoria Geral da República (PGR).

O terceiro depoente será Valdecir Corrêa, que auxiliou Silvio Corrêa na montagem do equipamento que gravou Emanuel Pinheiro enchendo os bolsos do Paletó. Ele será ouvido em 09 de março.

Já em 16 de março será a vez do ex-secretário de Estado Allan Zanata, pois ele foi o responsável por gravar um áudio junto a Silvio Corrêa, cujo conteúdo supostamente colocaria em risco a delação do ex-governador Silval e, por consequência, o vídeo em que Emanuel Pinheiro é flagrado.

O áudio foi encontrado na casa de Emanuel Pinheiro durante o cumprimento de mandado de busca e apreensão durante a Operação Malebolge.

Ainda durante a reunião da CPI, os vereadores Toninho de Souza (PSD) e Sargento Joelson (PSC), respectivamente relator e membro da comissão, apresentaram quatro requerimentos, que serão apreciados na próxima reunião da comissão.

Joelson requereu que as sessões da CPI sejam secretas e que apenas os vereadores possam acompanhar. Com isso, as reuniões e depoimentos não poderiam mais ser transmitidos pelos vereadores, nas suas redes sociais e nem pela Câmara de Cuiabá, como ocorre atualmente. Segundo Joelson, o pedido é baseado na Lei de Abuso de Autoridade.

Além disso, Joelson requereu que todas as decisões da CPI sejam tomadas de forma colegiada e não monocraticamente, pois Bussiki estaria tomando decisões sozinho, segundo ele. Bussiki rebateu e afirmou que toma apenas as decisões que dizem respeito à condução dos trabalhos da comissão, como o próprio regimento interno da Câmara de Cuiabá determina que cabe ao presidente da CPI.

4 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • José
    14 Fev 2020 às 20:16

    Gente, foi filmado, documentado, não tem como negar., cadeia já.

  • Tcha
    14 Fev 2020 às 16:21

    Tempo e dinheiro perdidos! A acusação se refere a um deputado ESTADUAL - por que este seria investigado na esfera municipal? Por mais que se arraste essa ação, no final será NULA. Estão gastando dinheiro público a toa. Deviam aplicar esse tempo e esse dinheiro com assuntos do município. Acorda, povo!

  • Revoltado
    14 Fev 2020 às 15:24

    CASA DOS HORRORES.....VERGONHA DESSES DEFENSORES DO PALETÓ.

  • Jorge Amaro
    14 Fev 2020 às 15:13

    Parabéns vereador Abilio um dos únicos vereadores honestos nessa casa de horrores...Toninho...Mizael...etc são todos pau mandado do prefeito uma vergonha

Sitevip Internet