Olhar Direto

Quinta-feira, 09 de abril de 2020

Notícias / Cidades

Ex-diretor da Semob nega agressão contra repórteres e acaba solto

Da Redação - Fabiana Mendes

20 Fev 2020 - 17:00

Foto: Fabiana Mendes/Olhar Direto

Ex-diretor da Semob nega agressão contra repórteres e acaba solto
O ex-diretor da Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob), Michel Diniz, negou ter agredido os repórteres da TV Cidade Verde, em depoimento ao delegado Marcelo Fernandes Jardim, na Central de Flagrantes, nesta quarta-feira (20). Segundo versão do suspeito, houve um "empurra-empurra" entre as partes envolvidas. Ele se apresentou na unidade e logo depois foi liberado. 

Leia mais:
Equipe de reportagem é agredida por diretor da Semob; prefeito demite servidor ao vivo; veja vídeos

Conforme avaliação do delegado, Michel cometeu atos ilicitos penais de constrangimento ilegal e dano qualificado, pois teria, mediante violência, impedido as vítimas de fazerem reportagem no local, fato que é proibido por lei, assim como também teria danificado o equipamento de filmagem com emprego de violência à pessoa. A situação teria resultado em lesão corporal contra Odilson de Figueiredo Lima .
 
Ainda conforme o delegado Marcelo Fernandes, não havia hipóteses dos artigos 302 e 303 do Código Penal, que viabilize o auto de prisão em flagrante. Após oitiva com o delegado, Michel não teve a prisão ratificada e acabou solto. O delegado requisitou  também exame de corpo de delito e perícia para constatação de danos. 
 
A confusão
 
A confusão teria começado depois que os repórteres teriam flagrado a viatura apreendida circulando normalmente pela cidade. A equipe produzia uma reportagem quando teria sido surpreendida por vários agentes de trânsito, os 'amarelinhos'. A Polícia Militar foi acionada e ambas as partes foram encaminhadas à Central de Flagrantes para registro da ocorrência.

Após o ocorrido, o prefeito Emanuel Pinheiro classificou o caso como "lamentável". Sobre a postura de Michel Diniz, o chefe do Executivo disse que se trata de um caso isolado. "Não condiz com minha gestão humanizada, que tem trabalhado diuturnamente para  incentivar, valorizar e dignificar os servidores públicos municipais", afirma.

"Quero comunicar de pronto, que vou exonerar hoje o diretor de trânsito, Michel Diniz, envolvido diretamente neste episódio. Já determinei ao secretário Antenor Figueiredo um PAD [Processo Administrativo Disciplinar] para que responda no rigor da lei", asseverou.

"Quero demonstrar mais uma vez que não vou aceitar nenhuma atitude de nenhum servidor que venha em desacordo com a minha pregação e a minha determinação de uma gestão humanizada, de gestão que trabalhe em parceria com a sociedade, com o seguimento organizado da sociedade, que respeite acima de tudo o nosso patrão, que é o povo cuiabano que paga os nossos salários", afirmou.

 

12 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Indignado
    21 Fev 2020 às 16:41

    Cuiabá precisa de secretário de mobilidade urbana urgente

  • JJ
    21 Fev 2020 às 08:40

    o QUE ADIANTOU O SERVIDOR AGREDIR OS REPÓRTERES ??? AGORA FOI EXONERADO DO CARGO E PODE ATÉ PERDE O EMPREGO. TEMOS QUE PENSAR PRIMEIRO ANTES DE AGIR DE UMA FORMA QUE POSSA SE ARREPENDER DEPOIS.

  • Luis Flávio
    21 Fev 2020 às 08:09

    Certo, mas é o veículo que está com a documentação atrasada vai continuar circulando. A lei não funciona para os órgãos públicos só para o cidadão comum. Porquê a imprensa não divulga um lista com todos os erros que o Estado, Município cometem na questão de cobrar que os contribuintes cumpram o seu papel e paguem o IPVA certinho no dia. Depois vem com conversa fiada que não tem dinheiro nos cofres públicos,não vai ter mesmo pois nao pagam os seus e querem exigir dos outros façam seu papel e depois exigem cambada de hipócritas.

  • Marcos
    21 Fev 2020 às 07:32

    Manda esse povo amarelo que se axham deuses pra iniciativa privada sem os apadrinhados. Vao passar muitas necessidades.

  • Lucas
    21 Fev 2020 às 07:29

    Repórter invadir órgão publico sem permissão é permitido?

  • leonidas
    21 Fev 2020 às 06:58

    culpa disso e do antenor. corrupto que da poder a idiotas

  • alexandre
    21 Fev 2020 às 01:19

    Apreensão, é só para os carros dos contribuintes...

  • Rocha
    20 Fev 2020 às 22:15

    Ele é militar ... apadrinhado do capanga de emanoel ..

  • Zé Marretinha
    20 Fev 2020 às 20:26

    Michel Diniz é o nome dele? metido a bombadinho né? Tá bom. Lembram quando os amarelinhos multavam a torta e a direita? pois é meu primo o Zé Marretão resolveu meter a marreta num amarelinho que desmaiou na hora, resolveu por um bom tempo sem eles multarem, ok? um abraço a todos!

  • nelson
    20 Fev 2020 às 18:42

    Fizeram MACUMBA PRO CARA, ai ele incorporou e agrediu o camera e o reporter, kkkkkkkkkkkkkkk

Sitevip Internet