Olhar Direto

Sexta-feira, 03 de abril de 2020

Notícias / Política MT

Líder da bancada pede que presidente libere emendas e pague o FEX a Mato Grosso

Da Redação - Max Aguiar

23 Mar 2020 - 17:27

Foto: Rogério Florentino - Olhar Direto

Líder da bancada pede que presidente libere emendas e pague o FEX a Mato Grosso
O líder da bancada federal de Mato Grosso em Brasília, deputado Neri Geller (Progressistas) disse que o trabalho parlamentar na capital federal neste momento é para que o presidente da República Jair Bolsonaro (sem partido) faça a liberação das emendas, para que os governadores possam ter mais caixa para trabalhar medidas de combate ao novo coronavírus.

Leia mais:
Prefeitura admite problemas no antigo PS, mas diz que usá-lo é a melhor solução para o momento

Em Mato Grosso, por exemplo, Neri disse que é necessário que o dinheiro seja liberado o quanto antes, tendo em vista que o governador Mauro Mendes está buscando jeitos de combater a pandemia e deixar o sistema público de saúde pronto para receber futuros pacidentes.

Dos R$ 240 milhões previstos para Mato Grosso, ao menos 90 milhões são destinados para a saúde pública. Outros R$ 36 milhões para a infraestrutura, R$ 24 milhões para a Segurança Pública e o restante se divide entre verbas para Educação, Lazer, Agricultura Familiar, Ciências e Tecnologia, Turismo e Cultura.

Segundo Neri, já existe um trabalho forte da bancada para que o presidente faça esse repasse o quanto antes. “É necessário que esse dinheiro das emendas seja pago com urgência. Nós sabemos o quanto é importante um aporte financeiro para os governadores num momento desses. Estamos lidando com saúde pública, estamos falando de pessoas que estão com medo e por isso o estado, ou os estados, precisam estar preparados. O presidente precisa nos atender e fazer a liberação das emendas o quanto antes”, disse o líder da bancada.

Neri ainda lembrou do Fundo de Exportações (FEX), que ainda não foi pago pelo presidente Jair Bolsonaro ao governador Mauro Mendes. Para o deputado, a Casa Civil precisa ser solidária com todos os estados que tem direito ao que receber.

“Já temos uma conversa avançada com o ministro da Casa Civil e ele sabe a importância de pagar o FEX. Esse dinheiro também vem de aporte ao serviço público.
Precisamos investir em Mato Grosso, e num momento de pandemia, mais ainda. O presidente Bolsonaro precisa chamar seus ministros e entender que esse pagamento ajuda o Brasil todo”, disse Neri, ressaltando que além de Mato Grosso, outros estados precisam estar preparados para combater o coronavírus.

Questionado sobre o momento de decretos e medidas duras dos governadores para barrar alguns serviços e manter a população em casa, Neri Geller avalia que a população precisa sim se prevenir, mas para alguns setores é necessário que o presidente aja com critério e equilíbrio.

“Não podemos ir contra o que pede a Organização Mundial de Saúde (OMS). É importante que fiquemos em casa? É! Mas, precisamos avaliar o setor rural, o setor alimentício do Brasil. Se eles parar, daqui a pouco o Brasil para também[u1] . O Governo está certo nos critérios adotados, mas é necessário equilíbrio”, comentou.

4 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Amosil
    24 Mar 2020 às 11:10

    Meu DEUS do Céu...Numa calamidade dessas esse Serra Fox ,vem Falar em emenda... POR ISSO Q O TSE DEVE CASSA -LO..

  • joaoderondonopolis
    24 Mar 2020 às 08:49

    Eu não aguento mais ouvir falar em FEX, deputado agora não é hora de falar em FEX. Poderia propor na câmara que Bolsonaro não mandasse duodécimo para câmara enquanto estiver a luta contra o covid-19, aí sim sei que está trabalhando para a população brasileira. Vamos ajudar o Presidente sair dessa pandemia.

  • alexandre
    24 Mar 2020 às 07:43

    Deputados só pensam em dinheiro, emendas não são pro combate a epidemia, mas pra curral eleitoral..

  • Jose
    23 Mar 2020 às 21:37

    No papel muito bom..Agora se o dim vier vai para onde?Quem vai fiscalizar?Porque Tce mt e puro toma la da ca,Al mesma coisa e o Judiciario e uma vergonha.Entao e melhor nao mandar nada senao evapora rapidinho

Sitevip Internet