Olhar Direto

Terça-feira, 26 de maio de 2020

Notícias / Política MT

Mendes cita contratação de TV pela Prefeitura de Cuiabá e volta a alfinetar Emanuel

Da Redação - Érika Oliveira

20 Mai 2020 - 07:35

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

Mendes cita contratação de TV pela Prefeitura de Cuiabá e volta a alfinetar Emanuel
O governador Mauro Mendes (DEM) aproveitou uma entrevista à Rádio Jovem Pan nesta terça-feira (19) para dar uma cutucada no prefeito Emanuel Pinheiro (MDB). Questionado sobre o uso de TV aberta para transmitir as aulas da rede estadual durante a pandemia, o governador mencionou a polêmica envolvendo a contratação de uma emissora pela Prefeitura de Cuiabá e enfatizou que não fará o mesmo que Emanuel.
 
Leia mais:
Secretário de Educação divulga cotações com TV’s e afirma que vai processar vereador
 
“Você quer saber se passa pela minha cabeça fazer aquilo que a Prefeitura de Cuiabá fez? Não passa! Se eu tenho uma TV que não vai me cobrar nada, por que é que eu vou usar uma outra TV pagando alguma coisa?”, disparou Mauro Mendes.
 
A medida citada por Mendes foi a contratação da TV Mais, no valor de R$ 539 mil e com vigência de 30 dias, para realizar a transmissão das aulas da rede municipal neste período de pandemia. O contrato tem provocado polêmica desde que o vereador Felipe Wellaton (Cidadania) questionou o fato de a TV contratada pela Prefeitura estar vinculada ao ex-prefeito de Cuiabá Francisco Galindo, que é presidente do PTB, partido em que estão filiados o secretário de Educação, Alex Vieira Passos, e o deputado federal Emanuel Pinheiro Neto, o Emanuelzinho.
 
Em vídeo encaminhado à imprensa, o secretário de Educação de Cuiabá afirmou que tanto ele quanto o PTB irão acionar Wellaton na Justiça. Além disso, Passos divulgou na gravação o que ele afirma ser a cotação feita com outras emissoras de televisão. Segundo o secretário, a documentação também foi entregue ao Ministério Público e ao Tribunal de Contas do Estado.
 
Conforme levantado pela Coluna Picantes, do Olhar Direto, horas após a divulgação do vídeo citado acima o Governo do Estado anunciou que iria lançar o projeto Pré-Enem Digital, uma série de videoaulas preparatórias para o Exame Nacional do Ensino Médio, veiculada pelo canal da TV Assembleia sem custos adicionais para os cofres públicos.
 
Ocorre que o secretário de Educação de Cuiabá afirmou que buscou o mesmo canal de televisão com o objetivo de transmitir as aulas da rede municipal de ensino durante a pandemia, porém, recebeu a resposta de que a TV Assembleia não tinha horário disponível em sua grade para fornecer à Prefeitura de Cuiabá.
 
 

11 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Damião
    20 Mai 2020 às 23:13

    Pergunta dos bolsos governador!!

  • Gilson
    20 Mai 2020 às 19:41

    R$539mil ???

  • Moacir
    20 Mai 2020 às 12:27

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

  • Miranda
    20 Mai 2020 às 11:20

    Meu Deus ! Mauro Mendes vai trabalhar cuidar da pandemia das cidades , são 141 . Pare de falar bobagem . Deixe o Emanuel continuar fazendo esse trabalho maravilhoso . Inveja mata .

  • Tereza Cristina
    20 Mai 2020 às 09:28

    Mauro Mendes, num momento desse de Pandemia deveria é ficar preocupado em Salvar Vidas Também. Para de ser Moleque........

  • Moacir
    20 Mai 2020 às 09:21

    Porque o olhar direto não vetou o comentário do deovaldo com tanto palavrão assim. E as vezes um comentário sério e lógico é vetando.

  • deovaldo
    20 Mai 2020 às 08:59

    Infelizmente a politização do COVIDE-19 atrapalha o seu efetivo combate a esta pandemia que está assolando o mundo e o BRASIL como sempre transforma em politicagem para se desviar dinheiro público e com isso ficarem mais ricos. Conseguiram controlar a covid-19 nos ricos e os mais suscetíveis são os pobres, mas como sempre se fuderam o que mais uma covid né.....A NOSSA POLÍTICA DA NOJO, POVO MORRENDO E O GOV E DEMAIS PODERES AUMENTANDO SALÁRIOS E PENDURICALHOS... VERGONHA MAURO MENDES E DEMAIS É MIMIMIMIMIMIMIMI,,,,,EMPRESA QUEBRANDO E VCS POUCO SE FUDENDO PARA O POVO E PARA A ECONOMIA....

  • Jc
    20 Mai 2020 às 08:53

    Estranho que só empresa de Ex político e Político atual que se dao bem no BRASIL,????

  • Vai Trabalhar
    20 Mai 2020 às 08:42

    O senhor não tem muito o q fazer pelo visto Mauro Mendes.... Em meio a pandemia querendo briguinha? cresça e esqueça EP e os seus antecessores e mostre pq esta ai..... Servidores públicos e parte da população já não aprova suas atitudes...

  • jessika silva
    20 Mai 2020 às 08:24

    Quem quer, dá um jeito, quem não quer arruma um contrato de R$ 539 mil para a população pagar... piada

Sitevip Internet