Olhar Direto

Terça-feira, 26 de maio de 2020

Notícias / Política MT

Mauro Mendes é irresponsável e leviano ao dizer que Cuiabá não criou leitos, afirma Emanuel

Da Redação - Arthur Santos da Silva

20 Mai 2020 - 13:08

Foto: Reprodução

Mauro Mendes é irresponsável e leviano ao dizer que Cuiabá não criou leitos, afirma Emanuel
O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), afirmou que o governador Mauro Mendes (DEM) foi irresponsável ao dizer que a Capital não criou leitos exclusivos para tratar pacientes infectados pelo novo coronavírus.

Leia também 
Mendes diz que Prefeitura de Cuiabá não abriu leitos de UTI e 'não fez lição de casa'

 
“Lamentável ouvir e ver o ato leviano do governador dizendo que não sabia da existência desses leitos. É muita irresponsabilidade”, declarou o chefe do Executivo Municipal, nesta quarta-feira (20).
 
Conforme divulgado pela prefeitura, para atender os pacientes do novo coronavírus, Pinheiro determinou a criação do Hospital de Referência à Covid. A unidade, que funciona no prédio do antigo Pronto-Socorro, disponibiliza 170 leitos de enfermaria e ainda 55 leitos de UTIs para atendimento exclusivo.

"O meu embate não é contra o governador, não é contra autoridades políticas. O meu embate é a favor do povo", alertou o prefeito. Boletim divulgada na terça-feira (19) aponta que Cuiabá tem 309 casos confirmados de residentes no município e 78 de não residentes, mas que estão sendo atendidos na capital.
 
Destes, 143 já estão recuperados da doença e houve 5 óbitos de residentes e 7 de não residentes. Na rede hospitalar há 48 pacientes confirmados com Covid-19 internados, sendo 31 na UTI e 17 em enfermaria. Também estão internados 34 pacientes com suspeita da doença, sendo 12 na UTI e 22 em enfermaria.
 
“Estou muito ocupando e não tenho tempo para discussões menores”, concluiu Emanuel sobre a fala de Mauro Mendes.
 
Fala de Mendes
 
Em entrevista concedida na tarde desta terça-feira (19), o governador afirmou que o avanço da doença é preocupante, mas que o foco do monitoramento do Estado tem sido na ocupação dos leitos de UTI para evitar que o sistema de saúde entre em colapso. Nesse contexto, criticou tanto a prefeitura da maior cidade do estado quanto o governo federal.

“O grande número que nós estamos monitorando não é o avanço dos casos, o grande número é exatamente a taxa de ocupação de leitos de UTI. Que é isso exatamente que a Organização Mundial da Saúde fala. Você tem que ter leitos para atender à sua população. O governo de Mato Grosso está fazendo essa lição de casa. Se todos os entes fizerem, governo federal, Prefeitura de Cuiabá, que é referência fizesse a mesma coisa, nós estaríamos absolutamente tranquilos”, alfinetou.
 
Questionado se a prefeitura não vem fazendo a parte dela, Mendes retrucou: “basta perguntar se eles abriram um leito novo na cidade de Cuiabá”.
 
Levantamento
 
Cuiabá integra o ranking das dez cidades menos vulneráveis à Covid19. O dado foi divulgado pela Revista Exame, que teve acesso exclusivo a pesquisa realizada pelo Instituto Votorantim e que traça um cenário da pandemia no país.
 
Conforme a reportagem integram o ranking as cidades de Colina (SP), São Bernardo do Campo (SP), Nova Lima (MG), Flores da Cunha (RS), Colômbia (SP),Cuiabá (MT), Extrema (MG), Porto Reral (RJ), Olímpia (SP) e Gavião Peixoto (SP). A reportagem é assinada pela jornalista Ligia Tuon.
 
O  Índice de Vulnerabilidade dos Municípios (IVM), que  foi criado nesta semana, elenca a capital do Estado é a única a figurar entre as dez menos vulneráveis. De acordo com a reportagem da Revista Exame, o levantamento considera o número de leitos disponíveis na UTI e de respiradores. Além desses, o IVM considera fatores como a proporção da população idosa, o PIB per capita e a situação fiscal da cidade.
 
 

40 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Moreira
    22 Mai 2020 às 07:37

    Antônio Dias. Emanuel Pinheiro não inaugurou PS algum, apenas pegou o que já estava praticamente pronto. Nenhum mérito dele. O que se vê é que ele não criou nenhum leito para enfrentar a Pandemia. Emanuel Pinheiro gastou dinheiro em Drones, Jatos de água que não servirão para nada no combate à Pandemia e gastou muito dinheiro nisso. É um trapalhão.

  • Moreira
    22 Mai 2020 às 07:33

    o que o Prefeito Emanuel Palet. ó fez com os 23 milhões enviados pelo Governo Federal? Ele não aumentou um único leito para o município de Cuiabá. Isso é um absurdo.

  • Antonio
    22 Mai 2020 às 00:18

    EP sempre desconversa sobre o paletó.... Q irá responder na justiça. Todos no vídeo foram propina, menos EP?

  • Marcio
    21 Mai 2020 às 21:33

    Pelo que vejo o governador pelo menos fez alguma coisa por MT com as verbas federais que recebeu, é ainda teve coragem de denúnciar o prefeito, cadê os quase os quase 25 milhões que a prefeitura recebeu ? Gastou tudo isso com Stone é tambores nas praças? Limpeza de praças? Não criou nem um leito de uti novo? Cadê a transporte cadê o dinheiro federal, muitos cuiabanos irão sofrer quando não tiver mais uti !

  • Eliane Malhado Ridrigues
    21 Mai 2020 às 12:55

    Nossa Marcos Aurélio vc parar p analisar isso em vista de outros que não mostraram de souberam ele está sendo o melhor Prefeito em tudo enquanto roubo se for analisar meu amigo tá difícil todo ser humano tem recaída ou vc é diferente.

  • Marco Aurélio Batista De Paulo
    21 Mai 2020 às 11:04

    Esse cara não E aquele que colocou dinheiro nas calças? Agora a pergunta , se for , como estar solto e o pior foi eleito prefeito ainda ! Povo de Cuiabá pelo amor de Deus Para com isso.

  • vgmartins
    21 Mai 2020 às 09:56

    Acho engraçada esse tipo de reportagem. Idolatram a fofoca. Só pode. Pq um fala, o outro rebate mas sem mostrar que o "um" tá errado. Fala por falar. Eu TB queria saber...quantos leitos a prefeitura fez? O Estado eu sei q se preocupou com isso. A prefeitura deu hotel de luxo pra mendigo, auxílio pra feirante (pq foi pressionado), lavou as ruas, usou drones pra desinfectar condomínios de luxo... E os hospitais? ...as medidas q eu vejo são mais pra justificar desvios de verbas que pra proteger realmente da doença.

  • Josiel Batista
    21 Mai 2020 às 09:01

    Esse prefeito não me representa nunca mais Fora paletó

  • Marcello
    21 Mai 2020 às 00:54

    Meu cunhado ê medico em 2 hospitais nem mascara tunha para trabalhar,quem deu máscara para ele foi eu

  • dunha
    21 Mai 2020 às 00:41

    Asfalta a fernando correia, não precisa de leito (sarcasmo)...

Sitevip Internet