Olhar Direto

Segunda-feira, 13 de julho de 2020

Notícias / Educação

Governo suspende aulas presenciais por mais 30 dias em Mato Grosso

Da Redação - Fabiana Mendes

05 Jun 2020 - 11:17

Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto

Governo suspende aulas presenciais por mais 30 dias em Mato Grosso
O governador Mauro Mendes (DEM) suspendeu a retomada das aulas presenciais por mais 30 dias em Mato Grosso. O decreto foi publicado no Diário Oficial que circula nesta sexta-feira (5).

Leia mais:
Prefeitura perde paciência com empresários e aplicará multa mínima de R$ 2,8 mil a quem descumprir medidas

As aulas presenciais foram suspensas no dia 23 de março como medida de prevenção ao novo coronavírus. O decreto que prorroga a decisão considera o estado de calamidade pública declarado em 25 de março de 2020, em decorrência da pandemia.
 
Ainda conforme a publicação, a Secretaria de Estado de Educação (Seduc) ficou responsável por apresentar, no prazo de 30 dias, ao Gabinete de Situação, um plano estratégico de retorno das atividades escolares presenciais, fundamentado em estudos e levantamentos técnicos.
 
Até a tarde desta quinta-feira (04.06), 3.388 casos de Covid-19 foram confirmados no Estado. As cinco mortes mais recentes envolveram residentes de Cáceres, Confresa, São José dos Quatro Marcos, São José do Rio Claro e Pontes e Lacerda.
 
Dos 3.388 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 2.018 estão em isolamento domiciliar e 1.065 estão recuperados. Há ainda 221 pacientes hospitalizados, sendo 124 em Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e 97 em enfermaria.

7 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Jose
    06 Jun 2020 às 03:05

    As crianças e os pais que se cuide esse desgoverno não está nem aí pra doença.

  • Observo
    05 Jun 2020 às 20:28

    Sinceramente não entendo essas restrições, as máscaras não protege? Se não por que somos obrigados a usar? pqp

  • Raquel
    05 Jun 2020 às 18:44

    Decisao acertada. Prefiro meus filhos em segurança em casa.

  • Professora
    05 Jun 2020 às 18:44

    E O SERVIDOR CONTRATADO NADA NÉ??????? ATÉ QUANDO A GENTE VAI FICAR IMPLORANDO PARA QUE EFETIVEM O AUXÍLIO, ESTAMOS PEDINDO SOCORRO

  • Sônia Maria
    05 Jun 2020 às 12:41

    Prudente , foi essa essa decisão. O pico do vírus é exatamente agora e pode ficar mais sério com a chegada do inverno. A única opção sensata é ficar em casa. Do contrário, perderemos o controle. Tenhamos coragem, fé e oremos por todos nós.

  • Luciano
    05 Jun 2020 às 12:27

    O colégio Master só vai dar agora os 5% de desconto para quem paga a mensalidade cheia sem nenhum bônus anterior a pandemia. Agora duvido se tem algum aluno que vai receber este desconto pandemia , mais uma vez o governo faz lei para periquito aplaudir

  • Juliano Cesar
    05 Jun 2020 às 11:47

    Uma vergonha e meio a momento que vivemos o senhor governador do Estado dar apenas 5% de desconto na mensalidade de escolas particulares Muitos pais que tiveram carga horária reduzida com isso também o seu salário e ainda que eles que perderam o seu emprego devido ao momento. Vergonha pois governadores junto com AL aprovam aumento servidores em comissão e não veem lado da população. Que seguisse exemplo governador do estado PA, que concedeu 30% desconto escolas mesmo oara quem tem desconto em bolsa de estudo.

Sitevip Internet