Olhar Direto

Notícias / Cidades

Em um dia 10, pessoas morrem de Covid-19 e 220 novos casos são registrados em MT

Da Redação - Vinicius Mendes

06 Jun 2020 - 19:55

Foto: Tchélo Figueiredo - Secom/MT

Em um dia 10, pessoas morrem de Covid-19 e 220 novos casos são registrados em MT
A Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde deste sábado (06), 3.788 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 101 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado. Até sexta-feira (5) Mato Grosso tinha 3.568 casos confirmados. As 10 mortes mais recentes envolveram residentes de Pontes e Lacerda, Rondonópolis, Várzea Grande, Colíder e Alto Araguaia.

Leia mais:
MT registra 7 mortes em 24h e sobe para 3.568 número de pessoas infectadas pelo coronavírus

Dentre os 20 municípios com maior número de casos de Covid-19, estão Cuiabá (1.081), Várzea Grande (361), Rondonópolis (283), Primavera do Leste (173), Tangará da Serra (164), Sorriso (136), Confresa (132), Lucas do Rio Verde (105), Barra do Garças (93), Sinop (93), Campo Verde (78), Pontes e Lacerda (66), Nova Mutum (59), Jaciara (50), Rosário Oeste (45), Cáceres (41), Sapezal (39), Alta Floresta (38), Aripuanã (36) e Peixoto de Azevedo (35). 

A lista detalhada com todas as cidades que já registraram casos da Covid-19 em Mato Grosso pode ser acessada no Boletim anexado ao final desta matéria.

Nas últimas 24 horas, surgiram 223 novas confirmações. A área técnica da SES ainda esclareceu que foram corrigidas três ocorrências de duplicidade no sistema; uma em Pontes e Lacerda, uma em Rondonópolis e outra e Várzea Grande. 

Dos 3.788 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 2.246 estão em isolamento domiciliar e 1.203 estão recuperados. Há ainda 238 pacientes hospitalizados, sendo 117, em Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e 121, em enfermaria. 

Contudo, a SES aponta que há 33 casos suspeitos em enfermaria e 25 em UTI - números que se somam aos confirmados e resultam na taxa de ocupação, que hoje é de 11,6% em leitos clínicos e 36,3% em UTI. Os percentuais servem de parâmetro para a tomada de decisão que ocorre em âmbito municipal.

O documento ainda aponta que um total de 8.930 amostras já foram avaliadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) e que, atualmente, restam 683 amostras em análise laboratorial.

Os pacientes são devidamente acompanhados pelas equipes de Vigilância Epidemiológica do Estado e dos municípios. Mais informações estão detalhadas na Nota Informativa divulgada diariamente pela SES disponível neste link, a partir das 17h.



Cenário nacional

Até a última sexta-feira (05), o Governo Federal confirmou 30.830 casos novos da Covid-19 no Brasil e 1.005 novos óbitos oriundos da doença. No levantamento do dia anterior, divulgado pelo Ministério da Saúde, o país contabilizava 35.026 mortes e 645.771 casos confirmados de pessoas infectadas pelo coronavírus. Até o fechamento deste material, não foram atualizados os números deste sábado (06).

Recomendações

Atualmente, não existe vacina para prevenir a infecção pelo novo coronavírus. A melhor maneira de prevenir a infecção é evitar ser exposto ao vírus. Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca do novo coronavírus. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo coronavírus. Entre as medidas estão:

- Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;
- Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;
- Evitar contato próximo com pessoas doentes. Ficar em casa quando estiver doente;
- Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;
- Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

4 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Leo Aquila Tijucal
    07 Jun 2020 às 12:59

    Povo mal educado sem máscara e empresários egoístas levaram a explosão de óbitos. Compre tudo via internet e se proteja.

  • Juscelino Alves Ferreira
    07 Jun 2020 às 06:46

    Bom dia: Eu vi no saite da cidade de São José do Rio Claro, que fica no interior, que tem 02 casos confirmados e em quarentena. Porquê não consta na lista?

  • Kamilla Casrro
    07 Jun 2020 às 04:57

    Pessoas em isolamento domiciliar deveria usar tornozeleira eletronica para ser rastreado.. eu conheco varios positivo pra covid que estao saindo.. indo em mercado..farmácias e até caminhada parque mae bonifacia.. Isso é absurdo.. Pessoas teste tipo devem ser presas...

  • Antônio
    06 Jun 2020 às 23:50

    Não consigo entender uma coisa, porque o comércio abrir mais tarde e fechar mais cedo, será que o vírus da covid só anda de noite ???? Ou é ignorância dos gestores, pois se alguém precisa do comércio não vai deixar de ir só porque vai abrir mais tarde ou fechar antes.

Sitevip Internet