Olhar Direto

Sexta-feira, 07 de agosto de 2020

Notícias / Cidades

CRM e sindicato dos médicos repudiam declarações de secretário de saúde de Cuiabá

Da redação - Carlos Gustavo Dorileo

01 Jul 2020 - 17:37

Foto: Rogério Florentino/OD

CRM e sindicato dos médicos repudiam declarações de secretário de saúde de Cuiabá
O Conselho Regional de Medicina (CRM) e o Sindicato dos Médicos do Estado de Mato Grosso (Sindimed-MT) repudiaram uma declaração do secretário de Saúde de Cuiabá, Luiz Antônio Possas, que em entrevista a uma TV local, disse que os ‘médicos estão se acovardando’ no enfrentamento a pandemia do novo coronavírus.

Leia também
Conselho de Corretores de Imóveis e empresa de ex-secretário são investigados pela PF


De acordo com as duas associações, o comentário foi infeliz e mostra que o secretário não está preparado para conduzir o cargo que ocupa.
 
“Em entrevista a emissora TV Centro América no MT 1ª edição Possas de forma desrespeitosa disse que os médicos estão se acovardando, sendo que estamos na linha de frente. É fácil falar quando se está sentado no gabinete.  Agora trabalhar nas policlínicas se expondo sem a proteção adequada e sem condições de trabalho,  isso ele não leva em conta. O Sindimed/MT repudia veementemente tais ofensas à classe médica”, afirmou  indignado o diretor de comunicação do Sindicato dos Médicos(Sindimed/MT) Adeildo Lucena.
 
Já a presidente do CRM Hildenete Monteiro Fortes, disse que é uma covardia do secretário chamar os servidores da saúde, que estão na linha de frente do combate ao coronavírus e que estão sendo tratados como heróis em todo o mundo, de covardes.
 
“Não aceitamos as acusações que estamos fazendo política. Não sou filiada a nenhum partido, não sou candidata a nenhum cargo. Quem parece fazer política é a gestão municipal. Esperamos que a gestão pública tenha a ombridade de reconhecer o que estamos fazendo, pois chamar os médicos de covarde é covardia”, afirmou.
 
De acordo com o último levantamento do CRM, já são 161 médicos contaminados com o Covid-19 e dois óbitos em todo o Estado.

Outro lado

Sobre o posicionamento do CRM a respeito da fala do secretário sobre os médicos:
- O secretário de Saúde esclarece que sua fala foi em relação aos médicos que entregaram atestados falsos na Secretária de Saúde, para não atenderem nesse momento de pandemia.

-O secretário ainda esclareceu que os médicos e demais profissionais da Saúde que não utilizaram essa prática são heróis e agradeceu o empenho de todos nesse momento difícil, quanto à população mais precisa da  auxílio hospitalar.
 

19 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Moreira
    02 Jul 2020 às 10:16

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

  • Professor pardal
    02 Jul 2020 às 10:02

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

  • Juscelino Alves Ferreira
    02 Jul 2020 às 09:53

    Bom dia: Sou técnico em enfermagem em uma UTI do PS e Sta Casa. Acabei de deixar os plantões depois 24 hs com uma equipe de enfermeiras(os), fisioterapeutas, médicos e mais muitos técnicos. Foi um dia e uma noite cansada, uma janta que deixou a desejar, sem café da manhã. Mais não desistimos, amanhã o dia tdo e a noite toda estaremos lá. Mais nos intristece essa falta de respeito vindo de uma pessoa que deveria nos valorizar!

  • Pc
    02 Jul 2020 às 08:33

    Desde quando médico rala muito? Agora enfermeiros e técnicos este sim ralam muito.90% dos médicos de Upa só prescrevem receita nem a mão no paciente colocam?

  • Cidadão
    02 Jul 2020 às 07:53

    Covarde é quem está desviando dinheiro da saúde nesses tempos apocalípticos!

  • Luana Celestino
    02 Jul 2020 às 02:02

    O secretário falou a verdade.

  • Janice
    02 Jul 2020 às 00:04

    É por isso que a Saúde não anda, enquanto os gestores públicos forem escolhidos por critérios politiqueiros, vamos ter comportamentos inoportunos e inconsequentes como desse secretário. O judiciário teve que atuar pra evitar o caos total, porque o poder municipal não fez seu dever de casa.

  • borges
    01 Jul 2020 às 22:53

    Sr. Secretário não queira transferir a Sua incompetência para os Funcionários da Saúde a dias você vem atacando perseguindo servidores da Saúde, Cortando gratificações até mesmo de servidores afastado pela Covid isto é muito injusto estamos Numa Guerra e um Bom Comandante da as melhores Armas e incentivos para seus Soldados Coisa que não vimos até agora de sua parte , talvez aí está o motivo de muitos estarem se afastando pois não vê incentivos nem força do comandante para continuar pelo contrário só críticas e perseguição.

  • Andreia Aparecida
    01 Jul 2020 às 22:05

    Que tristeza o que os políticos estão fazendo com povo cuiabano. Canalhas! Sórdidos! Não temos UTI, não temos equipamentos, não temos hospitais prometidos... O que temos são declaraçoes difamatorias contra a única classe que está cuidando do povo. Meu Deus tempos difíceis.

  • Rubens Tadeu Reynaud
    01 Jul 2020 às 21:31

    Este secretário deveria ser expulso do Brasil. E um bosta. Covarde é ele.

Sitevip Internet