Olhar Direto

Sábado, 16 de janeiro de 2021

Notícias / Cidades

CRM e sindicato dos médicos repudiam declarações de secretário de saúde de Cuiabá

Da redação - Carlos Gustavo Dorileo

01 Jul 2020 - 17:37

Foto: Rogério Florentino/OD

CRM e sindicato dos médicos repudiam declarações de secretário de saúde de Cuiabá
O Conselho Regional de Medicina (CRM) e o Sindicato dos Médicos do Estado de Mato Grosso (Sindimed-MT) repudiaram uma declaração do secretário de Saúde de Cuiabá, Luiz Antônio Possas, que em entrevista a uma TV local, disse que os ‘médicos estão se acovardando’ no enfrentamento a pandemia do novo coronavírus.

Leia também
Conselho de Corretores de Imóveis e empresa de ex-secretário são investigados pela PF


De acordo com as duas associações, o comentário foi infeliz e mostra que o secretário não está preparado para conduzir o cargo que ocupa.
 
“Em entrevista a emissora TV Centro América no MT 1ª edição Possas de forma desrespeitosa disse que os médicos estão se acovardando, sendo que estamos na linha de frente. É fácil falar quando se está sentado no gabinete.  Agora trabalhar nas policlínicas se expondo sem a proteção adequada e sem condições de trabalho,  isso ele não leva em conta. O Sindimed/MT repudia veementemente tais ofensas à classe médica”, afirmou  indignado o diretor de comunicação do Sindicato dos Médicos(Sindimed/MT) Adeildo Lucena.
 
Já a presidente do CRM Hildenete Monteiro Fortes, disse que é uma covardia do secretário chamar os servidores da saúde, que estão na linha de frente do combate ao coronavírus e que estão sendo tratados como heróis em todo o mundo, de covardes.
 
“Não aceitamos as acusações que estamos fazendo política. Não sou filiada a nenhum partido, não sou candidata a nenhum cargo. Quem parece fazer política é a gestão municipal. Esperamos que a gestão pública tenha a ombridade de reconhecer o que estamos fazendo, pois chamar os médicos de covarde é covardia”, afirmou.
 
De acordo com o último levantamento do CRM, já são 161 médicos contaminados com o Covid-19 e dois óbitos em todo o Estado.

Outro lado

Sobre o posicionamento do CRM a respeito da fala do secretário sobre os médicos:
- O secretário de Saúde esclarece que sua fala foi em relação aos médicos que entregaram atestados falsos na Secretária de Saúde, para não atenderem nesse momento de pandemia.

-O secretário ainda esclareceu que os médicos e demais profissionais da Saúde que não utilizaram essa prática são heróis e agradeceu o empenho de todos nesse momento difícil, quanto à população mais precisa da  auxílio hospitalar.
 

Comentários no Facebook

Sitevip Internet