Olhar Direto

Sexta-feira, 14 de agosto de 2020

Notícias / Cidades

Último adeus a pastor Sebastião tem cortejo pela cidade, cemitério lotado, homenagens e mensagem de Bolsonaro; fotos

Da Redação - Fabiana Mendes

08 Jul 2020 - 18:15

Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto

Último adeus a pastor Sebastião tem cortejo pela cidade, cemitério lotado, homenagens e mensagem de Bolsonaro;  fotos
Aconteceu nesta quarta-feira (8), o enterro do pastor Sebastião Rodrigues de Souza, 89 anos, presidente das Assembleias de Deus em Mato Grosso, que morreu na manhã de hoje vítima do coronavírus. O último adeus foi marcado de muita emoção, leitura da bíblia, presença da banda da Polícia Militar e autoridades como o ex-governador Júlio Campos.

Leia mais:
Bolsonaro lamenta morte de presidente da Assembleia de Deus vítima de coronavírus em Cuiabá



O cortejo do pastor começou por volta das 16h, com saída do Hospital Femina, onde ele estava internado. Depois, passou pelo Grande Templo, na avenida Historiador Rubens de Mendonça (CPA) e seguiu ao Cemitério Parque Bom Jesus, onde houve uma cerimônia fúnebre até às 18h, com grande quantidade de pessoas.



O enterro foi transmitido ao vivo na página do Facebook do pastor para milhares de pessoas. Além de um longo discurso, houve a leitura da nota de pesar do presidente da República Jair Bolsonaro (sem partido), que se trata da primeira manifestação para uma pessoa vítima do coronavírus no Brasil.



“No Salmo 116:15 lemos que “Preciosa é à vista do SENHOR a morte dos seus santos.” Hoje mais uma vez isto ocorreu com a partida para o Senhor do saudoso pastor Sebastião Rodrigues da Igreja Assembléia de Deus! A terra perde valoroso obreiro, mas o Senhor abraça um filho que venceu! Meus sinceros sentimentos a toda comunidade cristã e à família do querido pastor Sebastião! Oremos pelo conforto do Senhor na vida dos familiares!”, disse Bolsonaro.  



O prefeito da Capital Emanuel Pinheiro (MDB) e o governador Mauro Mendes (DEM) fizeram questão de prestar homenagens à família e decretaram luto oficial de três dias.

Pastor Sebastião deixa esposa de 70 anos, três filhos vivos (o outro morreu há uma semana também vítima do coronavírus), 15 netos, 19 bisnetos e três trinetos.

Histórico

Sebastião Rodrigues de Souza, nascido no dia 11 de agosto de 1931, na fazenda de seus avós maternos, próximo a cidade de Pirajuba (MG), onde foi batizou-se aos 17 e permaneceu até seus 27 anos. Filho de José Antonio de Souza e Maria Abadia Rodrigues.
 
O pastor Sebastião Rodrigues de Souza, foi enviado para Cuiabá em 12 de dezembro de 1974 para assumir a liderança da igreja Assembleias de Deus na capital mato-grossense. Na época, Cuiabá e Várzea Grande tinham, juntas, apenas sete igrejas.
 
Em 38 anos de trabalho do pastor já são hoje 286 Igrejas Assembleias de Deus entre as duas cidades, somando mais de 50 mil membros.
 
O pastor Sebastião construiu o Grande Templo, na Avenida Historiador Rubens de Mendonça. A construção, maior marco da Igreja Assembleia de Deus no Estado, comporta 22,5 mil pessoas sentadas, tem estacionamento com mil vagas, além de ter uma Escola de Ensino Fundamental e Médio com capacidade para 1,5 mil alunos, uma Rádio Nazareno FM 107.9MHz, Livraria Cantares de Salomão.
 
O pastor é também Presidente da Convenção Estadual das Assembleia de Deus do Estado de Mato Grosso e Vice-presidente da Convenção Geral das Assembleias de Deus do Brasil.

Veja vídeos: 

61 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Debora Cerilo
    11 Jul 2020 às 17:28

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

  • Jossy Soares
    10 Jul 2020 às 01:48

    Aos acusadores de senso comum, esclareço que não hou Aos acusadores baseados no senso comum derivado informo que: Não houve nenhum velório, A Igreja recomendou a toda hora que as pessoas permanecessem nos carros e tomou o cuidado de transmitir tudo pelas redes sociais para evitar aglomeração, e nesse sentido todos os comunicados da Igreja recomendavam seguir o distanciamento. Centenas de pessoas acompanharam tudo dentro de seus carros estacionados e ligados no Face Book. Agora para a excepcionalidade de ser um homem público, querido na cidade, um cidadão de bem que ajudou muitas pessoas e era amado por seu povo, é necessário sermos razoáveis e verificar que eventual e indesejado ajuntamento acidental e não programado pode acontecer em circunstâncias semelhantes. Ainda se some ao fato de que muitos que estavam juntos eram grupo familiares.

  • Aída
    09 Jul 2020 às 17:27

    Se vocês querem uma explicação e resposta de todo os questionamentos e só pedir ao Secretário Municipal de Ordem Pública, o Sr.Leovaldo Sales que estava presente no enterro, caso não esteja enganada ate disse algumas palavras e a noite estava no Pedra 90 (mesmo terno do enterro), acompanhando fiscalização, para ordem pública. Os médicos, enfermeiros e todo o pessoal da saúde merece uma explicação Sr. Secretàrio Leovaldo Sales . Nada contra a família do Pastor, momento de dor, mas queremos uma resposta ..??????????

  • Amando Talose
    09 Jul 2020 às 17:11

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

  • Jean
    09 Jul 2020 às 16:59

    O fato ocorrido me lembra uma frase de um clássico livro de George Orwell: os animais são todos iguais, mas uns são mais iguais que os outros.

  • Gustavo Augusto Fortes
    09 Jul 2020 às 14:29

    Meus sentimentos á família enlutada...Que Deus o tenha o Pr Seba em um bom lugar,todos um dia estaremos lá na glória,agora uma pergunta que não quer calar? Pandemia,momento átipico que vivemos hoje em nosso País e PORQUÊ tamanha aglomeração no enterro do Pr Seba,o que ele tem de diferente das outras vítimas da covid 19? Com a palavra o Cel.Salles da Ordem Pública e o Vereador Abílio Jr? É justamente isso que não compreendo não são melhores que ninguém,morreu meu amigo é cal na cara e acabou direito iguais a todos os mortos,fizeram uma puta aglomeração lá no cemitério só espero que Deus preserve a vida de todos que estiveram ali presentes e não saíram infectados nem transmitiram uns aos outros ali,porque vamos e venhamos gente,fizeram errado e infringiram o protocolo lamentável....

  • Angeka
    09 Jul 2020 às 14:16

    Uai, a família do excelentíssimo Abílio Diniz, que zombava do uso da máscara está começando morrer? Uau? É um vírus ne?! Senho vereador, vc disse q se colocaria para ajudar nessa batalha e só vem fazendo desfavor a comunidade! Sua família faz velório e sepultamento, vc incomoda quem está trabalhando! Usa sacola plástica no lugar de máscara! Engraçado né?! Vc é o palhaço que a sociedade hipócrita colocou ai!

  • rato
    09 Jul 2020 às 14:10

    Bando de falso puritano!

  • MARIA AUXILIADORA
    09 Jul 2020 às 13:59

    A seleção natural vai cair matando nos próximos 14 dias.

  • Paolo
    09 Jul 2020 às 12:35

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

Sitevip Internet