Olhar Direto

Notícias / Cidades

"Hospital de campanha não está em nosso planejamento", diz secretário de Saúde de MT

Da Redação - Max Aguiar

10 Jul 2020 - 11:01

Foto: Reprodução

Um dos assuntos mais comentados durante esse período de agravamento da pandemia da Covid-19 em Mato Grosso é a possível abertura de um hospital de campanha na capital. Nesta sexta-feira (10), o secretário de Saúde, Gilberto Figueiredo, voltou a ser questionado sobre o assunto e negou que exista a intenção de abrir uma estrutura provisória de UTIs para atender mais pacientes.

Leia mais:
Arena Pantanal será usada como posto de triagem e terá testes a partir da próxima semana

"Se depender da iniciativa do governo do estado, isso não está em nosso planejamento. Eu acabei de informar que vamos construir mais 204 leitos de UTIs em Mato Grosso. Eu disse que nós temos instalações prontas com equipamento no Hospital Santa Casa, em Várzea Grande mais 30 leitos de UTI equipados. Mas a maior dificuldade encontrada nesse momento não é equipamento. Agora é profissional e medicamento. Então construir um hospital em pelo menos 30 dias e depois de pronto não ter profissional, não vai funcionar", explicou o secretário.
 
A pergunta voltou à tona depois que o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) disse que estaria aberto para negociar junto ao governo estadual e federal a abertura de um hospital de campanha nas dependências da UPA do Verdão. 

Porém, a ideia do governo é estruturar as cidades de Mato Grosso para evitar a superlotação da capital. Atualmente, 60% dos atendidos em Cuiabá são do interior. "Não está no nosso planejamento a abertura e criação de um hospital de campanha. Porém, não restringe do prefeito abrir um hospital. Nosso planejamento é abrir mais 200 unidades nos próximos dias e ampliação de leitos de enfermaria também", concluiu. 

A novidade no atendimento para a população anunciada por Gilberto foi uma central de triagem e testes na Arena Pantanal, onde 20 médicos irão dar plantão nesse ponto, com atendimento voltado para pacientes sintomáticos e assintomáticos do Covid.

Lá, além da consulta médica, a população encontrará a teste rápida. Se o resultado for positivo, ele ganhará os remédios que ajudam no tratamento precoce da doença. Os detalhes desse atendimento será avisado na próxima semana pelo governo do estado. 

21 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Roseni
    11 Jul 2020 às 08:53

    As filas d espera por uma uti, as 65 mortes em 24 horas, fazem parte do seu planejamento??? Responde aí Secretário!!!!!!!!!!!

  • Paulo Matos
    11 Jul 2020 às 06:44

    NO PLANEJAMENTO DE VCS, SO TEM INAUGURAÇÃO DE PLACAS!!

  • Luiz
    10 Jul 2020 às 17:55

    Por causa de imbicis como esses gestores incompetentes que não houve planejamento para preparar as unidades de saúde, com simples medidas no começo do surgimento do vírus com isolamento dos bairros mas afetados, isolamento das pessoas e acompanhar de perto com vigilância em saúde, distribuição de remédio preventivo, pois não existe um remédio eficazes, somos cobaia todos são válidos, uma secretária que não tem nem deposito de armazenamento esperar oque só fal

  • Adolfo
    10 Jul 2020 às 16:50

    A Pandemia nao estava nos planos de ninguem ! como vamos ficar sem estes hopsitais

  • Cuiabano
    10 Jul 2020 às 16:27

    Secretário não é preciso nem dizer porque o povo já percebeu há tempo que os planos dos senhores é dar entrevista para massificar os seus nomes na tentativa de serem candidatos. Porque com o povo os senhores não estão nem ai porque vocês tiveram quatro meses de tranquilidade para ajustar todas as necessidades e preferiram ficar dando entrevista e brigando pelo poder municipal. Agora, os senhores serão responsabilizados por ter certeza o povo não vai perdoar nem Governador, Prefeito e secretários..

  • Raimundo
    10 Jul 2020 às 16:22

    Governo estadual e municipal com total descaso com a vida do cidadão. A conta vai chegar para vocês.

  • RICARDO
    10 Jul 2020 às 16:15

    Essa classe política é a pior inimiga da sociedade, so fera a sociedade e prol deles msm, quanto tempo tiveram pra se preparar e agora estao deixando a sociedade perecer.

  • Mulher ma
    10 Jul 2020 às 15:47

    Entao aguente as consequencias da omissao sua e Do governador Prefeito Vcs nao querem salvar ninguem essa e a verdade. Entao acaba com essa hipocrisia de quarentena e lockdown . Ja que nao querem aplicar o remedio no primeiro sintoma e nao tem onde mais uti pra enfiar os doentes. Entao pra que proibicao? So pra fazer midia politica. Ao menos o senhor querendo ou nao O governo federal esta tentando resolver Enquanto vcs de mt So fazem lambanca com a saude publica ha tempos.

  • Ela
    10 Jul 2020 às 15:07

    Se está bom, parabéns, é mérito seu. Se está ruim, sinto muito, mas é responsabilidade sua, porque, parece-me, dinheiro nunca foi o problema.

  • Trajano
    10 Jul 2020 às 14:54

    Agora ? Desdenhou a Covid de março até maio, por incompetência, por birra, por despreparo agora está aí, desesperado. Tenha pelo menos honradez e peça ajuda ao governo federal, porque se demorar muito, também não vai ter.

Sitevip Internet