Olhar Direto

Terça-feira, 04 de agosto de 2020

Notícias / Cidades

Prefeito prorroga suspensão de aulas e atividades presenciais em escolas públicas e particulares

Da Redação - Carlos Gustavo Dorileo

11 Jul 2020 - 10:20

Foto: Assessoria/Prefeitura de Cuiabá

Prefeito prorroga suspensão de aulas e atividades presenciais em escolas públicas e particulares
O prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) prorrogou para até o dia 2 de agosto a suspensão das atividades presenciais nas unidades escolares públicas e particulares do Município, em todos os níveis. O Decreto nº 7.998, que dispõe sobre medidas emergenciais e temporárias de prevenção ao contágio pelo novo coronavírus, deve ser publicado no Diário Oficial da próxima segunda-feira (13).
 
Leia também
MP apura falta de fornecimento de alimentação escolar em Mato Grosso; Apenas 33% distribuíram

 
O novo documento cumpre medidas de segurança e prevenção estabelecidas no Decreto nº 7.849 de 20 de março deste ano, que determinou a suspensão das atividades presenciais nas unidades educacionais do Município diante da situação de emergência provocada pela pandemia, e altera o artigo 2º do Decreto nº 7.890 de 27 de abril que determinava o retorno das aulas no último dia 12 de julho, com a adoção de uma série de medidas de biossegurança, reunidas num Plano Estratégico de retomada gradativa e segura das atividades presenciais nos estabelecimentos da Capital.
 
De acordo com o prefeito, a prorrogação da suspensão das atividades educacionais continua sendo necessária diante da real possibilidade de propagação do novo coronavírus no ambiente escola-família e visa preservar a saúde da população em razão do grande número de pessoas envolvidas nos serviços educacionais. Cuiabá possui hoje 164 unidades educacionais na rede pública municipal de Ensino, envolvendo mais de 52 mil alunos, além de 55 mil alunos na rede privada, o que totaliza aproximadamente 107 mil alunos.
 
“Estamos acompanhando diariamente, com cautela e responsabilidade, os indicadores relacionados à Covid-19 na nossa capital, no estado e também no Brasil. Todas as nossas decisões se baseiam nas recomendações do Comitê de Enfrentamento, das autoridades médicas e sanitárias, tendo sempre a preocupação de zelar pela saúde da população cuiabana e pela saúde das nossas crianças. Diante disso, as atividades presenciais nas unidades de ensino devem ser retomadas quando houver segurança para isso e com a adoção de medidas de prevenção”, salientou. (Com assessoria)

3 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Kamila
    11 Jul 2020 às 23:36

    Pois pra mim poderia cancelar esse ano, eu não acredito que vai ter algum pai ou mãe que vai ter coragem de mandar o filho pra escola ,antes de ser vacinado.

  • JOAO MACIEL
    11 Jul 2020 às 17:53

    Parabéns ao mosso Prefeito Emanuel Pinheiro por todas as medidas que vem tomando para conter a propagação da virus da COVID 19.

  • Ana Carolina
    11 Jul 2020 às 12:22

    Meus filhos não vão pra escola enquanto não sair a vacina do covid. Prefiro que percam de ano a adoecerem e infectar toda família. Esse bicho é imprevisível, mata até jovem.

Sitevip Internet