Olhar Direto

Sexta-feira, 07 de agosto de 2020

Notícias / Cidades

Três profissionais da enfermagem morrem no mesmo dia vítimas da Covid-19

Da Redação - Fabiana Mendes

14 Jul 2020 - 17:00

Foto: Reprodução

Da esquerda para direita, Dirce, Pedro e Maria.

Da esquerda para direita, Dirce, Pedro e Maria.

Três profissionais da enfermagem de Mato Grosso morreram em decorrência do coronavírus, nesta terça-feira (14). São eles: os auxiliares Maria Alice Ramos da Silva, 54 anos, e Pedro Izídio, 60 anos, ambos de Cuiabá, e a técnica, Dirce de Oliveira Souza, de Rondonópolis.

Leia mais:
Raio da PCE é isolado após reeducandos apresentarem sintomas da Covid-19

O Conselho Regional de Enfermagem de Mato Grosso lamentou as mortes. Atualmente, o Estado conta com 14 profissionais da enfermagem falecidos vítimas da doença.

Maria Alice tinha 54 anos e por 24 anos foi servidora da Saúde Estadual, atuando no Centro Integrado de Assistência Psicossocial (Ciaps) Adauto Botelho (Unidade I) e estava internada há 13 dias no hospital Santa Rita, em Várzea Grande.

Pedro, que tinha 60 anos e era servidor do Hospital e Pronto Socorro Municipal de Cuiabá (HPSMC), estava internado no Hospital São Mateus devido a complicações da doença.

Dirce tinha 42 anos e era funcionária da Santa Casa de Misericórdia de Rondonópolis, onde foi internada há 12 dias.

Os Conselheiros e empregados públicos se solidarizaram com as famílias enlutadas, assim como amigos e familiares dos profissionais.

“Ele era uma pessoa muito amiga, sensata, divertida e acolhedora. Dedicou sua vida profissional no HPSMC, na Central de Esterilização de Materiais. Sempre com um belo sorriso no rosto. Tinha cardiopatia grave, mas nunca esmoreceu”, disse a conselheira do Coren-MT, Lígia Cristiane Arfeli, que trabalhou muitos anos ao lado de Pedro, no HPSMC.

4 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Freud explicah
    15 Jul 2020 às 08:48

    Coitado desses profissionais. Carreira desvalorizada, baixos salários e expostos à essa doença. O poder público precisa olhar para esses profissionais com mais respeito.

  • jody
    15 Jul 2020 às 07:05

    Pedro... trabalhei com ele no Sesi um pessoa de um coracao enorme..vai deixar saudades..

  • Dona Porfiria
    14 Jul 2020 às 23:11

    Mas e a tal da rua pedra preta do Cpa 2?

  • Kátia Abreu
    14 Jul 2020 às 18:26

    E na TV mostrando crianças empinando pipa na rua alastrando coronavirus. Brasileiros só aprendem com correia

Sitevip Internet