Olhar Direto

Terça-feira, 29 de setembro de 2020

Notícias / Cidades

Bispo Dom Pedro Casaldáliga está internado em estado grave com problemas respiratórios

Da Redação - Max Aguiar

04 Ago 2020 - 09:15

Foto: Reprodução

Bispo Dom Pedro Casaldáliga está internado em estado grave com problemas respiratórios
Com 92 anos e com mal de Parkinson, o bispo emérito de São Félix do Araguaia, Dom Pedro Casaldáliga, está internado em um hospital por conta de um problema respiratório que se agravou nos últimos dias. De acordo com informações da Igreja Matriz da cidade, o último exame feito no líder religioso indica que ele não está infectado com a Covid-19. 

Leia mais:
Vídeo flagra policial civil quebrando braço de mulher em conveniência de posto; veja

Na segunda-feira (3), amigos do bispo e membros da Igreja de São Félix do Araguaia emitiram uma nota explicaram que ele teve uma piora no fim de semana e nesta terça-feira (4) existe a possibilidade dele ser transferido de hospital. Porém, os médicos teriam dito que o estado de saúde não suportaria a viagem. 

“A vocês, todas e todos que têm a Prelazia de São Félix no coração e que, tem um carinho especial por nosso bispo emérito, Dom Pedro Casaldáliga, informamos que o estado de saúde dele não é bom e sofreu piora nas últimas horas.  Houve o planejamento e preparação da remoção dele para um centro maior e de mais recursos, mas os médicos de São Félix do Araguaia informaram, hoje de manhã, que ele não teria condições de suportar a viagem. Então, ficamos em sintonia e oração, aguardando mais informações", diz a nota.

Casaldáliga é conhecido mundialmente por conta de suas batalhas e defesas em prol dos menos favorecidos. Na região do Araguaia ele tem um trabalho prestado a favor de indígenas, quilombolas e sem terras. Na Pastoral da Terra, ele tem trabalho prestado e reconhecido até pelo Vaticano. 

Recentemente, ele assinou uma carta contra o presidente Jair Bolsonaro, citando que o Governo Federal se omite pelos mais pobres. Além de Dom Pedro, outros dois bispos também assinaram a carta e enviaram ao chefe da nação. 

Comentários no Facebook

Sitevip Internet