Olhar Direto

Terça-feira, 29 de setembro de 2020

Notícias / Cidades

PF patrulha área de 200 mil km² em terras indígenas do Araguaia e promete operações em breve

Da Redação - Érika Oliveira

10 Ago 2020 - 10:12

Foto: Reprodução

PF patrulha área de 200 mil km² em terras indígenas do Araguaia e promete operações em breve
Policiais federais da Delegacia de Barra do Garças/MT realizarão diligências em terras indígenas e demais áreas ambientais protegidas em todo o Vale do Araguaia no decorrer desta semana. A região abrange uma extensa área de 200 mil quilômetros quadrados, com início em Torixoréu e término em Vila Rica, extremo norte do estado. O objetivo da ação é subsidiar futuras operações policiais.
 
Leia mais:
Fazendeiro de MT é apontado como o líder do desmatamento ilegal da Amazônia; veja lista
 
“Os trabalhos previstos terão início na Terra Indígena Urubu Branco (município de Confresa/MT), área tradicionalmente conflituosa e que atualmente é objeto de uma Ação Civil Pública. A decisão determina a imediata retirada de ocupantes não indígenas de uma área de aproximadamente 170 mil hectares", explica o delegado Murilo de Oliveira, chefe da Delegacia da PF em Barra do Garças.
 
Segundo a PF, a operação surge em razão de diversas problemáticas observadas em uma circunscrição composta por 30 municípios. A instituição informa que serão realizados os mais diversos trabalhos, entre eles, o patrulhamento ostensivo em entradas de áreas indígenas.
 
De acordo com Oliveira, esta tarefa em específico visa conscientizar também, índios e não índios, sobre as medidas de restrição em decorrência da Covid-19. Conforme o delegado, também serão realizados levantamentos preliminares, os quais farão parte de planejamento estratégico para cumprimento de decisões judiciais. Cerca de 50 policiais federais participarão das diligências.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet