Olhar Direto

Segunda-feira, 21 de setembro de 2020

Notícias / Cidades

​Técnico em Raio-X de 58 anos morre vítima de Covid-19

Da Redação - Bruna Bom

12 Ago 2020 - 09:55

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

​Técnico em Raio-X de 58 anos morre vítima de Covid-19
O técnico em raio-x Adevaldo Rodrigues de Oliveiras, de 58 anos, morreu na noite desta terça-feira (11), vítima do coronavírus. O profissional atuava na Secretaria Municipal de Saúde de Barra do Garças (516 quilômetros de Cuiabá). Profissionais da saúde e sindicatos lamentaram o falecimento da vítima.

Leia mais:
Homem é ameaçado por familiares durante enterro do pai morto pela Covid-19


O profissional ficou internado por alguns dias antes de seu falecimento. Ele era diabético e deixa 3 filhas e um filho. Adevaldo também foi presidente do Sintesbre (Sindicato dos profissionais da Saúde), e atuava ativamente na defesa dos direitos dos profissionais da saúde.

"É com bastante pesar que recebemos a notícia do falecimento do servidor Adevaldo que já foi presidente do Sintesbre e colaborou para a sua criação, sempre lutou pelos direitos dos servidores da saúde de Barra do Garças,com certeza vai deixar uma lacuna na saúde de nosso município. Deixamos nossas mais sinceras condolências à família e amigos por esta inestimável perda sindicato", informou o Sintesbre em nota.

O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais (SindServ-BG) também divulgou uma nota de pesar. "É com extremo pesar que a direção do SindServ-BG recebe a notícia do falecimento do companheiro Adevaldo, que estava atuando por último no Cecap. Foram vinte valorosos anos de serviços prestado à comunidade barra-garcense. Neste momento tão difícil e de dor, os sindicatos prestam solidariedade aos familiares, amigos e parentes, rogando a Deus para que conforte seus corações, dando força e paz”.

Também na terça-feira (11), faleceu Eurípedes Pereira Lima, mais conhecida como dona Neta, de 54 anos, moradora há 23 anos do bairro São João em Barra do Garças. Ela estava internada devido a complicações de saúde, que foram agravadas com a infecção por Covid-19.

Dona Neta é filha do pioneiro de Nova Xavantina, Luiz Pelego, que participou da Fundação Brasil Central responsável pela construção de prédios públicos, pontes e abertura de estradas no Araguaia após a marcha para oeste e auxiliou na construção da primeira escola de Nova Xavantina.

Ela é irmã de Dalmir, Rubens, Robson Lima (policial civil); de Djalma, da Ida, da Ivone e da Deuzinha e da jornalista Vanessa Lima. O sepultamento d foi realizado por volta das 16h, no cemitério do Nova Barra. Dona Neta sofria de uma pré-diabetes. A moradora de Barra do Garças deixa duas filhas.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet