Olhar Direto

Sexta-feira, 25 de setembro de 2020

Notícias / Política MT

Mendes ataca candidatura de Emanuel: 'se ele não tem vergonha na cara, o povo de Cuiabá tem'

Da Redação - Arthur Santos da Silva

15 Set 2020 - 07:28

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

Mendes ataca candidatura de Emanuel: 'se ele não tem vergonha na cara, o povo de Cuiabá tem'
Ciente da candidatura de Emanuel Pinheiro (MDB), confirmada no fim da tarde de segunda-feira (14), o governador Mauro Mendes (DEM) voltou a firmar postura de ataque. O chefe do Executivo Estadual citou suposto envolvimento em esquemas de corrupção e disparou: “se ele não tem vergonha na cara, tenho certeza que o povo de Cuiabá tem”.

Leia também
Emanuel confirma candidatura à reeleição e quer Stopa como vice


“Tem aí vídeos que mostram esquema de corrupção, recebendo dinheiro. São imagens que chocaram o Brasil. Chocou as pessoas que são sérias. Ele teve três secretários afastados da prefeitura por corrupção. Precisa dizer mais alguma coisa? Pelo amor de Deus, não tem cabimento um negócio desses. Três secretários. Ele está envolvido em esquema de corrupção”, afirmou Mauro Mendes durante convenção do Democratas no começo da noite de segunda.
 
Antes da confirmação sobre a tentativa de reeleição de Emanuel, Mendes havia dito que se o desafeto tivesse “vergonha na cara”, não seria candidato.  “Como dizia meu amigo, nosso amigo, presidente Bolsonaro: 'as verdades têm que ser ditas'”, afirmou Mauro Mendes.
 
Mesmo com a sugestão ofensiva do governador, informação confirmada ao Olhar Direto por integrantes de uma reunião comandada por Emanuel mostra que haverá tentativa de eleição.  A reunião na casa do prefeito começou às 13h e terminou por volta das 17h.
 
No começo da noite, já ciente da reunião que selou candidatura, Mauro Mendes foi ainda mais duro. “Se ele não tem vergonha na cara, tenho certeza que o povo de Cuiabá tem”, bradou o governador.
 
Mendes segue repetindo que aposta na candidatura de Fábio Garcia (DEM) em Cuiabá. O nome, porém, ainda não foi confirmado como postulante ao cargo máximo do Palácio Alencastro.  

Comentários no Facebook

Sitevip Internet