Olhar Direto

Terça-feira, 24 de novembro de 2020

Notícias / Política MT

Com vice milionário, Novo registra chapa de prefeito e vereadores no TSE

Da Redação - Carlos Gustavo Doriileo

15 Set 2020 - 16:04

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

Candidato a prefeito Paulo Henrique Grando

Candidato a prefeito Paulo Henrique Grando

O Novo saiu na frente e foi o primeiro partido a registrar a candidatura do seu candidato à prefeitura de Cuiabá, o consultor em gestão Paulo Henrique Grando no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), com uma declaração de bens estimada em R$ 571,6 mil. O patrimônio que chama a atenção foi o registrado pelo candidato a vice, Alvani Laurindo, avaliado em R$ 55,1 milhões. O partido também já registrou a chapa com 15 candidatos a vereador.
 
Leia também
Novo oficializa candidatura de Paulo Henrique Grando para prefeitura e 15 nomes para Câmara

 
Candidato a prefeito da capital, Grando declarou um apartamento, um carro popular e dinheiro que ele tem em conta corrente, totalizando R$ 571,672,00, cerca de R$ 22 mil a mais de quando ele se candidatou a deputado federal em 2018.
 
Já o vice, o empresário Alvani Laurindo, de 71 anos, registrou o patrimônio de R$ 55.143.780,00, com vários imóveis, automóveis e propriedades rurais, além de participações em empresas.

Candidato a vice Alvani Laurindo/Arquivo pessoal

Os 15 candidatos a vereador definidos na convenção ocorrida no início do mês de setembro também já estão com os nomes registrados no TSE, aguardando deferimento. Todos eles estão debutando em eleições.
 
O advogado Giorgio Aguiar declarou à Justiça Eleitoral possuir um patrimônio de R$ 1,2 milhão, com um apartamento de luxo, um veículo e aplicação de R$ 130 mil na poupança.
 
Já a empresária Ruth Dutra declarou casas, terrenos e apartamento avaliados em R$ 1,3 milhões. O servidor público Ivo Oliveira declarou R$ 863 mil de patrimônio, com mais da metade do recurso investindo na poupança.
 
Como o Novo tem a política de não utilizar dinheiro público do Fundo Especial de Financiamento de Campanha (FEFC), os candidatos terão que viabilizar os recursos para fazer as suas campanhas.
 
O próprio candidato a prefeito Paulo Henrique Grando já anunciou que está tentando arrecadar pelo menos R$ 10 mil para pagar despesas como ‘ações preliminares de comunicação’, por meio de vaquinha online.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet