Olhar Direto

Quinta-feira, 01 de outubro de 2020

Notícias / Política MT

Julier diz que todos opositores a Emanuel são bolsonaristas: “quem defende você é o PT”

Da Redação - Isabela Mercuri / Do Local - Carlos Dorileo

16 Set 2020 - 19:37

Foto: Assessoria

Julier diz que todos opositores a Emanuel são bolsonaristas: “quem defende você é o PT”
O ex-juiz federal Julier Sebastião (PT), lançado candidato à prefeitura pelo Partido dos Trabalhadores na noite desta quarta-feira (16), disse não ter medo de dividir o eleitorado dos que não estão satisfeitos com a gestão do atual prefeito Emanuel Pinheiro (MDB). Segundo ele, todos os candidatos da oposição são bolsonaristas, e só o PT que defende o povo.

Leia também:
Chapa de Barranco com ex-reitora defende fim da Lei Kandir e se diz a única contra o 'projeto reacionário'

“São todos bolsonaristas essa oposição. Então nós estamos do lado do povo. E é por isso que estamos repetindo sempre, quem defende você é o PT. Na hora do ‘pega pra capá’, todos esses partidos que se dizem de oposição ficam contra o povo. Vimos agora na reforma da previdência dos servidores, vimos aqui em Cuiabá na pandemia, então nós vamos trazer para Cuiabá a experiência petista de governar, ou seja, em prol dos menos favorecidos”, declarou.

A candidatura de Julier será de chapa pura, com a professora aposentada da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) Vera Bertolini como vice. “Nós todos sabemos que vivemos um período no Brasil de absolutamente descriminação, racismo, ódio, fascismo, e a presença da professora Vera significa a afirmação do compromisso do Partido dos Trabalhadores com a causa das mulheres, dos negros, LGBTs, jovens, e com o povo mais pobre. Nesse sentido a professora vem trazer muito acúmulo e uma militância muito profunda em prol dos menos favorecidos”, afirmou Julier, durante a convenção do partido.


Ex-candidato a presidente da República, Fernando Haddad, enviou um vídeo de apoio a Julier

O ex-juiz federal também afirmou que as principais propostas serão de melhorar a vida dos cuiabanos, o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) e ter políticas específicas para os mais pobre. Além disso, afirmou que terá um relacionamento melhor com o governador. “Vamos nos relacionar institucionalmente, mas fazendo aquilo que a urna vai reconhecer, a legitimidade do prefeito para falar em nome dos cuiabanos”, finalizou.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet