Olhar Direto

Quarta-feira, 21 de outubro de 2020

Notícias / Cidades

Artista troca tatuagem por alimentos para animais sobreviventes dos incêndios no Pantanal

Da redação - Pedro Coutinho Bertolini

17 Set 2020 - 16:09

Foto: Reprodução

Artista troca tatuagem por alimentos para animais sobreviventes dos incêndios no Pantanal
O tatuador Guilherme Morais, 26, está realizando uma ação voluntária chamada ‘Tatuando e Preservando’, que tem como objetivo de reverter o valor arrecadado em tatuagens em alimentos, que serão distribuídos para animais sobreviventes em meio às queimadas do Pantanal. O bioma arde em chamas há cerca de dois meses e teve, até agora, mais de 2 milhões de hectares queimados, quase 20% de todo seu território. Neste momento, toda ação contra as queimadas é urgente.

Leia mais:
 Voluntários arrecadam mais de 400 quilos de frutas e verduras para os animais do Pantanal


A ação vai funcionar da seguinte forma: Guilherme abrirá seu estúdio no dia 21 de setembro, no período vespertino, e no dia 29 em período integral para fazer tatuagens pequenas, com valores entre R$ 100 e R$ 200. Toda a quantia arrecadado será destinado para a compra de frutas, verduras e cereais aue serão espalhados pelo bioma. O tatuador receberá apenas quantidades em dinheiro pois não tem como alocar os mantimentos. Quem não quiser tatuar também pode realizar doações avulsas aos valores das tatuagens disponibilizadas. Para isso, basta entrar em contato com o tatuador através de seu instagram @Guillystattoo 

A ideia surgiu quando Antonio Satyro, amigo de Guilherme e proprietário de uma fazenda no Km 110 da Transpantaneira (210 km de Cuiabá), percebeu que estava sua propriedade estava envolta pelo fogo e que os animais estavam desesperados por refúgio e alimento. 

Com isso, Antonio resolveu espalhar frutas, legumes e vegetais pela sua propriedade e, consequentemente, muitos animais começaram a aparecer no local para comer e fugir das chamas. Vídeos registrados pelo proprietário mostram macacos, porcos do mato, tucanos, veados, jacuacas, jacutingas, mutuns no interior da fazenda. A situação está se agravando, pois, conforme mais sobreviventes vão aparecendo, há menos suprimentos alimentares para distribuir aos animais necessitados.

Foi neste cenário de calamidade provocado pelas chamas que ardem e destroem o bioma que o tatuador Guilherme Moraes, resolver promover uma ação solidária chamada “Tatuando e Preservando”. Uma semana após a ação, tudo que for arrecadado será espalhado por Guilherme e demais voluntários na fazenda na Transpantaneira. Além disso, o tatuador prestará conta para todos os participantes da ação.






Serviço:

Ação: Tatuando e Preservando

Data: 21/09 período vespertino e 29/09 o dia todo

Local: Studio Gt94, rua Major Gama 375A, Dom Aquino

Comentários no Facebook

Sitevip Internet