Olhar Direto

Sábado, 31 de outubro de 2020

Notícias / Política MT

Emanuel diz que não pedirá votos para o filho por ser de Cuiabá e nega desentendimento com MDB

Da Redação - Isabela Mercuri

18 Out 2020 - 15:35

Foto: Paulo Victor Fanaia / Olhar Direto

Emanuel diz que não pedirá votos para o filho por ser de Cuiabá e nega desentendimento com MDB
O prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro (MDB), candidato à reeleição, afirmou que não vai pedir votos para seu filho, o Emanuelzinho (PTB), porque “pensa e respira” Cuiabá. Emanuelzinho é candidato à prefeitura de Várzea Grande. O prefeito também negou que tenha se desentendido com seu partido após a deputada Janaína Riva (MDB) ter declarado apoio a outro candidato à prefeitura de Cuiabá, o ex-prefeito Roberto França (PATRI).

Leia também:
Emanuel diz que ‘amarelou' para a Covid-19 e não esperava que Emanuelzinho arrebataria multidões

Segundo o prefeito, ele está ‘liberado’ pelo MDB para pedir votos para o filho, mesmo que seu partido tenha um candidato na cidade industrial, o Kalil Baracat (MDB). Kalil, inclusive, é apoiado pelo governador Mauro Mendes (DEM), rival político de Emanuel.

“Quer falar sobre Emanuel Pinheiro pai, fale sobre Cuiabá. Quer falar de Emanuel Pinheiro Neto, o filho, fale de VG, tem tudo a ver”, respondeu o prefeito a uma jornalista, durante coletiva de imprensa online realizada na tarde de quinta-feira (15). Ele ainda afirmou que só pode “rezar para que dê tudo certo para o filho”.

Relação com o MDB

Além da questão da campanha do filho em Várzea Grande, recentemente a antiga aliada Janaína Riva afirmou que Emanuel está ‘com os dois pés’ fora do partido, e que iria para o PTB. O prefeito negou, e disse que sua relação com o partido está ótima. “É um partido maduro, experiente, o maior partido democrático brasileiro”, elogiou.

“A maior biografia está na história de Carlos Bezerra, não tem como não entender a situação, o MDB tem o direito de montar seu projeto em VG, Cuiabá e em qualquer cidade, o Emanuelzinho também tem”, completou Emanuel.

“Já conversei com Bezerra e estou muito bem com meu partido, com a liderança do meu partido, que eu abraço em nome do deputado Bezerra, do presidente do meu partido Francisco Faiad, do deputado Romoaldo Junior, do deputado Doutor João e do deputado Thiago, que estão firmes e empolgados com a nossa candidatura em Cuiabá”, finalizou.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet