Olhar Direto

Domingo, 29 de novembro de 2020

Notícias / Cidades

Sem energia há quase 20 dias, jornalista denuncia transtornos e reclama de atendimento da Energisa em Cuiabá

Da Redação - Fabiana Mendes

19 Out 2020 - 16:15

Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto

Sem energia há quase 20 dias, jornalista denuncia transtornos e reclama de atendimento da Energisa em Cuiabá
Há cerca de 20 dias, o jornalista José Lucas Salvani se mudou para Cuiabá, onde deveria começar uma nova fase de sua vida com um emprego fixo, após término de sua graduação. Ao alugar um apartamento para morar, passou a sofrer com o descaso do atendimento da Concessionária Energisa, que até hoje não realizou a ligação de energia em seu imóvel.

Leia mais:
Secretaria afasta homens que trabalhavam em UTI no dia de denúncia de estupro

O jornalista chegou em Cuiabá no dia 8 de outubro. A previsão era de que tudo estaria em ordem no local, visto que já teriam passado alguns dias da solicitação. “No dia 2 de outubro, minha corretora solicitou pela internet a ligação nova de energia. Esse processo é realmente demorado e a Energisa dá até cinco dias úteis para realizar todo o procedimento porque precisa fazer vistoria no local para verificar se está tudo certo”, explica em entrevista ao Olhar Direto.

“Na segunda semana de outubro, ligamos para verificar se estava tudo certo e a atendente informou que o protocolo não existia e que eu precisaria ir pessoalmente resolver o problema. Fui no dia 8 de outubro, na sede, a atendente explicou que o pedido não foi processado pelo sistema, então teria que fazer um novo”, acrescenta José.

A data limite seria 14 de outubro, mas isso foi mudando com novas ligações. “Na última sexta-feira (16), liguei novamente e dessa vez foi feito um processo de reclamação com pedido de atendimento urgente e o atendente disse que na segunda-feira (19) era provável que a energia seria ligada. O próprio atendente desse dia não entendeu por que a ligação não foi feita já que a vistoria já havia sido feita”, conta.

“Tudo fica ‘pior’ porque liguei hoje para confirmar a ligação e informaram que não podem dar certeza da ligação hoje, mas não souberam explicar o motivo sendo que o último atendente garantiu que era quase 100% certeza de ligar hoje. A corretora do imóvel também ligou para a Energisa, só que para ela informaram que o pedido tinha sido cancelado e que só poderiam explicar pessoalmente. Tornei a ligar e disseram que estava tudo certo com o pedido, mas, novamente não poderiam assegurar a ligação”, afirma.

Desde o primeiro pedido, que não foi concretizado em decorrência de problemas técnicos da própria concessionária, já são quase 20 dias e 11 do último. Sem energia, ele não consegue trabalhar de casa aos finais de semana, quando atua em regime de plantão. 

“Os atendentes nunca sabem dar uma informação com precisão e sempre que tentam são sempre desencontradas. Enquanto um disse que era para ligar no dia 14, outro disse que era dia 15. Um dos atendentes disse que o despacho da vistoria não tinha sido feito, por isso não ligaram antes”, desabafa.

Diante da situação, José vem sofrendo com transtornos há dias. Ele só tem energia porque colocou um fio no corredor no prédio. “Comprei uma extensão para usar a geladeira e um ventilador, mas a casa fica toda bagunçada por causa disso e não dá para fazer quase nada”, diz.

“Isso já era para ter sido resolvido há uma semana e eu estou sem energia por causa de um atendimento horrível. Engraçado que quando é para encaminhar nome para o Serasa por atraso de uma semana de pagamento, eles são bem rápidos. Só que para prestar um serviço decente eles simplesmente não conseguem”, finaliza.

Outro lado 

A Energisa informou que está em contato com o senhor para solucionar a questão. Conforme nota, uma equipe técnica será deslocada ainda hoje para iniciar a ligação. Além disso, estão apurando internamente o que ocorreu com o atendimento prévio recebido pelo cliente. A Energisa disse que tem como prioridade garantir a qualidade do atendimento e do fornecimento de energia elétrica aos seus clientes.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet