Olhar Direto

Terça-feira, 24 de novembro de 2020

Notícias / Ciência & Saúde

Governo de MT garante UTIs para tratamento de covid-19 em Rondonópolis, mas estuda mudá-las de local

Da Redação - José Lucas Salvani

19 Out 2020 - 15:21

Foto: Reprodução

Governo de MT garante UTIs para tratamento de covid-19 em Rondonópolis, mas estuda mudá-las de local
O Governo de Mato Grosso, por meio da Secretaria de Estado de Saúde (SES), garantiu que irá manter as Unidades de Terapia Intensiva (UTI) para tratamento de covid-19 em Rondonópolis. A pasta, entretanto, estudar fazer a transferência de 10 UTIs do Hospital Regional para outra unidade de saúde.

Leia mais:
Mato Grosso registra 5 mortes e 166 novos casos de Covid-19 nas últimas 24 horas

O município oferece 30 leitos de UTI custeado pelo Governo de Estado. Deste montante, 10 leitos exclusivos para o tratamento de casos graves do novo coronavírus podem ser transferidos para outra unidade de saúde. A decisão tem como objetivo viabilizar o reinício das cirurgias eletivas na Região Sul de Mato Grosso.

Em nota, a pasta explicou que a decisão está sendo estudada e pediu para que “qualquer informação diferente disso deve ser desconsiderada”.

Dados do último boletim epidemiológico, divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde no final da tarde deste domingo (18), revelam que Rondonópolis soma mais de 10 mil casos e registrou 321 óbitos. O número de casos ativos é de 142.

Nas últimas 24h, Mato Grosso registrou apenas cinco mortes. Foram notificadas 166 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado. Dos 135.950  casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 14.810 estão em isolamento domiciliar e 116.824 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 191 internações em UTIs públicas e 196 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 47,75% para UTIs adulto e em 22% para enfermarias adulto.

Confira na íntegra a nota da SES.

Sobre as recentes informações quanto às UTIs exclusivas para o tratamento do coronavírus no Hospital Regional de Rondonópolis, o Governo de Mato Grosso esclarece que:

1 – A Secretaria de Estado de Saúde garante que os 30 leitos de UTI, que atualmente são custeados pelo Governo, serão mantidos em Rondonópolis, por ser referência para a Região Sul do Estado no atendimento à Covid-19.

2 – O que existe no momento é um estudo que analisa a possibilidade de transferência para outra unidade de saúde, localizada em Rondonópolis, dos 10 leitos de UTI exclusivos para a Covid-19 do Hospital Regional, para que seja possível viabilizar o reinício das cirurgias eletivas na Região Sul de Mato Grosso. Qualquer informação diferente disso deve ser desconsiderada.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet