Olhar Direto

Domingo, 29 de novembro de 2020

Notícias / Política MT

Sobrenome ‘Baracat’ e apoio dos Campos abrem portas para Kalil no 'corpo a corpo'

da Redação - Isabela Mercuri

27 Out 2020 - 14:10

Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto

Sobrenome ‘Baracat’ e apoio dos Campos abrem portas para Kalil no 'corpo a corpo'
O candidato à Prefeitura de Várzea Grande Kalil Baracat (MDB) percorreu ruas do bairro Cohab 7 de maio na manhã desta terça-feira (27). Com apoiadores e cabos eleitorais, ele entrou em comércios e conversou com moradores, que garantiam o voto quando ouviam seu sobrenome ou sobre o apoio da família Campos. Mesmo assim, muitos pedidos e reclamações foram feitos.

Leia também:
“Emanuel não tem moral para falar de ninguém e já deveria estar preso”, dispara Roberto França

Um dos comerciantes que aceitou receber Kalil foi o dono de uma recuperadora de veículos, José Carlos da Gama, 64 anos, que mora em VG há três décadas. Ele contou que mesmo antes da visita do candidato já pensava em dar seu voto ao emedebista, principalmente para que as obras feitas pela atual prefeita Lucimar Campos (DEM) continuem. O comerciante, no entanto, fez questão de fazer cobranças e perguntar sobre as propostas.


Zé Carlos pediu asfalto em seu bairro (Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto)

“Já estava pensando nele mesmo, para ver se continua pelo menos os serviços que já começaram da Prefeitura. O que estava parado há muitos anos, pelo menos ela fez bastante coisa”, contou ao Olhar Direto. “[Mas] pedi sobre meu bairro, que é o Gonçalo Botelho. A prefeita já tinha falado que ia asfaltar dois quilômetros, ele disse que semana que vem o maquinário já vai começar, e se ele ganhar vai continuar o que ela deixou começado. Por isso que ganhou meu voto”.

Outro voto garantido pela aposta na continuidade foi o de Misael da Silva, dono de um salão de cabeleireiros. “Eu estou apoiando ele porque a prefeita fez um bom trabalho, e se ela está apoiando ele é sinal de que ele vai dar continuidade ao que ela deixou. Para falar a verdade não conhecia [o Kalil], porque eu sou um pouco desinformado na mídia, mas se foi a prefeita que colocou...”, afirmou ele, que mora há vinte anos em Várzea Grande.

Misael recebeu Kalil em se salão (Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto)

O sobrenome Baracat foi outra característica que chamou a atenção dos eleitores. Marcelo da Costa, 55, estava sentado dentro de seu carro, estacionado, quando o candidato e seus apoiadores passaram. Ele fez questão de conversar com Kalil, e cobrar providências em relação à distribuição de água – para ele, o único problema grave da cidade.

“Já tinha ouvido falar da família Baracat, especificamente do Kalil não. Mas pelo que eu apurei, ultimamente eu fiz uma pesquisa, e é uma boa pessoa sim. Merece, porque se colocar outro vai parar Várzea Grande”, disse ao Olhar Direto. Segundo Marcelo, outros candidatos passaram por seu bairro (o Boa Vista), mas eles não têm a força política necessária para governar.

Marcelo da Costa e toda sua família votam em Kalil (Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto)

“Time que está ganhando não se mexe. O problema mais sério é o da água, ele vai priorizar isso, que eu acredito que sim. Ele falou que é uma das prioridades dele. Porque assim, todo mundo fala nisso, então é uma coisa que ele vai ter que focar”, completou.

Angelo Gonzaga, de 70 anos, estava em um ponto de ônibus observando o bandeiraço de longe. Ele não chegou a ser abordado pela equipe de Kalil, mas contou ao Olhar Direto que o candidato já foi em sua casa para pedir votos. “Vou votar para esse senhor aí. Eu trabalhei com o pai dele na fazenda dele”, lembrou o eleitor, que mora em VG desde 1972. “Tem que colocar um mais novo aí. Esse povo velho não ganha mais não, já foi. Precisa vir um novo. Eu vi tanta coisa que já acontece com os políticos, deputado, senador...”, completou, entre risadas.

Angelo estava no ponto de ônibus observando a movimentação (Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto)

Ponto fora da curva, Edmilson Nogueira, 47, foi um dos únicos a exaltar a carreira política de Kalil. Ele estava fazendo serviço pintando um portão, e acabou sendo gravado até pela equipe do candidato, visto o entusiasmo com que falava de Kalil. “Eu conheço o Kalil há um bom tempo e sei que ele é vereador, e também foi secretário. E agora eu acho que ele é a pessoa certa para a prefeitura. Já estava certo que ia votar nele, porque dentre uns que a gente tem visto, como vereador ele tem se destacado, então já prediz que ele vai ser um bom prefeito. Já falei para ele que meu voto é para ele, não só votando, como torcendo para ele ser nosso prefeito aqui”, comemorou.

Edmilson é apoiador de Kalil (Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto)

A equipe de Kalil, como é de praxe, ia na frente perguntando antes à população quem aceitaria conversar com o candidato. Apesar de não votar em Várzea Grande, Adriano da Silva, 29, funcionário de uma ótica, aceitou receber o santinho, junto a um cliente. Ao Olhar Direto, ele revelou que vota em Cuiabá, mas ainda não tem candidato. Também reclamou da atual gestão.

Apesar de não votar em VG, Adriano recebeu Kalil (Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto)

“Está péssima. Nós somos ruins de água, eim, misericórdia... nós somos escondidos, além de ser afastado, a qualidade do ônibus é ruim, a gente não tem água... e agora que está vindo o asfalto. Mas tomara que o novo prefeito consiga mudar essa realidade de Várzea Grande”, declarou.

Kalil afirmou que o ‘corpo a corpo’ é a oportunidade de ouvir os anseios da população e pedir o voto, principalmente nesta reta final da campanha. “Se eu tivesse condições de ir a todos os bairros, eu iria. É que o tempo é muito curto para a campanha. Esses arrastões que a gente faz, as caminhadas, é onde a gente tem o contato direto com a população, a gente sente o calor humano das pessoas, onde a gente escuta as reivindicações e faz o compromisso com cada bairro”, declarou.

“[A população] tem hipotecado apoio, a gente está sendo muito bem recebido, existe vários problemas na cidade, e a gente vai enfrentá-los de frente e se Deus quiser resolvê-los”, completou.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet