Olhar Direto

Quarta-feira, 25 de novembro de 2020

Notícias / Política MT

Com suspeita de coronavírus, Pedro Taques cancela agenda e se isola

Da Redação - Wesley Santiago

31 Out 2020 - 12:20

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

Com suspeita de coronavírus, Pedro Taques cancela agenda e se isola
O ex-governador por Mato Grosso e candidato ao Senado Federal, José Pedro Taques (SD), cancelou seus compromissos de campanha agendados para este final de semana por suspeita de estar com a covid-19. Ele fará exames ainda neste sábado (31), para saber se foi infectado.

Leia mais:
Secretário alerta que campanhas políticas podem provocar aumento de casos de Covid-19 em MT

Taques amanheceu indisposto, com tosse e espirrando. Diante do quadro, preferiu se isolar e fazer os exames. 

O quadro gerou preocupação em seus apoiadores porque Taques foi acometido quatro vezes por pneumonia em dois anos, quando comandou o governo de Mato Grosso. 

Neste sábado, o candidato teria agendas nas cidades de Rosário Oeste, Nobres, Diamantino, Alto Paraguai, Nortelândia, Nova Marilândia, Arenápolis, Denise, Nova Olímpia, Barra do Bugres, Jangada, Acorizal e Distrito da Guia. 

Os compromissos serão reagendados pelo candidato por conta da necessidade de isolamento. 

Os suplementes Delegado Fausto (Cidadania) e Doutora Elza (Solidariedade) participaram de carreata em Rosário Oeste neste sábado para cumprir a agenda de Taques. 

Aumento de casos

O secretário de Estado de Saúde Gilberto Figueiredo classificou como ‘desconfortável’ a realização de eventos de campanha eleitoral em meio à pandemia do novo coronavírus (Covid-19). Ele lembrou, ainda, que Mato Grosso registra atualmente cerca de 700 novos casos da doença todos os dias, e com esta realidade a tendência é que os números aumentem. “Infelizmente a pandemia, para muitos, parece que já acabou”, lamentou.

Apesar de quase todos os políticos terem afirmando, antes do início da campanha, que este seria um ano diferente, em que o contato com os eleitores seria realizado principalmente via redes sociais ou em eventos com distanciamento social e poucas pessoas, essa não tem sido a realidade.

Olhar Direto acompanhou caminhadas dos principais candidatos de Cuiabá e Várzea Grande, e todos, de uma forma ou outra, desrespeitaram as indicações da Organização Mundial da Saúde (OMS), seja apertando as mãos dos eleitores, abraçando-os, conversando sem a distância de 1,5 metros ou mesmo estando sem máscara.
 

Comentários no Facebook

Sitevip Internet