Olhar Direto

Quinta-feira, 04 de março de 2021

Notícias / Cidades

Polícia faz novas buscas por garoto desaparecido há um ano e três meses após sair para brincar

Da Redação - Wesley Santiago

23 Jan 2021 - 08:38

Foto: Reprodução

Polícia faz novas buscas por garoto desaparecido há um ano e três meses após sair para brincar
A Delegacia Especializada de Defesa da Mulher (DEDM) de Rondonópolis (215 quilômetros de Cuiabá) recebeu novas informações que poderiam levar ao encontro do  garoto Samuel Victor Carvalho, desaparecido desde outubro de 2019 e realizou diligências, nesta semana, para confirmar as denúncias.

Leia mais:
Mãe de menino desaparecido há dois meses faz apelo para ter filho de volta

A partir de informações recebidas de Campo Grande (MS), a equipe da DEDM de Rondonópolis passou a apurar os fatos e solicitou apoio da Polícia Civil de Mato Grosso do Sul, que realizou diligências in loco para a verificação do endereço levantado.

No entanto, após a checagem, foi constatado que a informação não procedia e não  se tratava do menino desaparecido em Rondonópolis.

A Delegacia Especializada de Defesa da Mulher de Rondonópolis informa que o inquérito policial sobre o caso continua em andamento. Nas investigações foram ouvidas diversas testemunhas sobre os fatos, incluindo vizinhos, familiares, conhecidos da igreja que a vítima frequentava, profissionais da escola onde o menor estudava.

Também foram realizadas medidas de Polícia Judiciária na tentativa de esclarecer os fatos, contudo até o presente momento não existem indícios da prática de outros crimes, portanto, a Delegacia da Mulher continua trabalhando com a hipótese de desaparecimento.

Todas as informações e denúncias em relação ao caso que chegam à delegacia são investigadas e checadas.

A Polícia Civil continua trabalhando no caso e conta com apoio da população com novas informações que possam auxiliar nas investigações. As denúncias podem ser feitas através do 197, ou pelo 66) 3423-1754 e através whatsapp (66) 9 9937-5462.

O caso

O desaparecimento ocorreu no dia 20 de outubro. O garoto estaria brincando na rua com alguns amigos, mas a avó teria buscado o neto para que ele almoçasse. Ele comeu e pediu para brincar novamente, mas sua mãe não deixou.

Por volta das 14 horas, ele pulou o portão da casa, que estava trancado, para ir brincar. Desde então, não foi mais visto. A mãe não acredita que o filho tenha fugido, pois segundo ela, ele não consegue dormir sem a presença da avó. Quando sumiu, Samuel vestia apenas uma bermuda jeans.
 
“Já não sabemos o que fazer, dói muito essa falta de notícia, essa falta de pista, por favor quem esteja com ele coloca Deus em seu coração, tenha compaixão devolva Samuel pra gente, tenha amor ao próximo, nos entregue ele, tiraram ele da gente, tirou toda nossa alegria, da a alegria dele voltar para casa e conhecer a irmã dele, deixa a gente ter a tranquilidade de volta porque isso virou um tormento pra nossa família, por favor pelo o amor de Deus”, pediu Anelice da Silva Gomes, mãe do pequeno Samuel.

A família de Samuel foi vítima de alguns golpistas que pediram resgate. Em um dos casos os criminosos pediram R$ 20 mil pelo resgate do menino e em outro, no qual pediram R$ 700, ainda enviaram uma foto de uma criança sem um pedaço da orelha, para tentar convencer a mãe que seria Samuel.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet