Olhar Direto

Quinta-feira, 25 de fevereiro de 2021

Notícias / Política MT

“Eles podem se organizar e apenas mudar de cargo”, diz João Batista sobre decisão contra Botelho

Da Redação - Vinicius Mendes / Da Reportagem Local - Max Aguiar

22 Fev 2021 - 17:20

“Eles podem se organizar e apenas mudar de cargo”, diz João Batista sobre decisão contra Botelho
O deputado João Batista (PROS) acredita que apenas uma chapa deve ser montada para disputar a presidência da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT), após decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) suspender a eleição que colocou Eduardo Botelho (DEM) neste cargo. O parlamentar citou que Botelho, Max Russi (PSB) e Janaina Riva (MDB) podem apenas mudar de cargo e assim a mesa diretora seria composta pelos mesmos deputados.
 
Leia mais:
Silvio Favero lança seu nome para presidência da AL e diz que já esperava decisão do STF
 
João Batista citou que a decisão do STF diz que Eduardo Botelho não pode concorrer para o mesmo cargo. Ele então considerou que uma das possibilidades é de o ex-presidente apenas concorrer para um cargo diferente, como o de primeiro secretário, que era ocupado por Max Russi. Ele não crê na formação de mais de uma chapa.
 
“Era uma dúvida, mas que a gente sabia que poderia acontecer a qualquer momento, e agora compete ao grupo dos 24 articular, se tiver que montar apenas uma chapa, monta, se tiver que concorrer concorre, mas eu acredito em uma chapa única, eu acho que muito pouco para agregar e montar duas chapas”.
 
O deputado João Batista contou que ainda não discutiu a possibilidade de concorrer a um cargo na mesa diretora. Ele explicou que quando saiu da mesa foi para dar oportunidade para que partidos como o PSL e PSDB pudessem participar do pleito.
 
“É claro que neste momento todos os parlamentares têm que se manter atentos, acompanhar, até porque em 48 horas todos terão que votar em uma nova mesa diretora”, disse o parlamentar.
 
O deputado Silvio Favero já afirmou à imprensa que pretende lançar seu nome para concorrer à presidência. Ele disse que ainda irá conversar com seus colegas para articular a criação de uma chapa.
 
“Eu não sei como está a articulação do Silvio nos bastidores, mas assim, na chapa são sete membros, então teria que agregar com mais sete, e pensar que dos 24, teria que ter no mínimo 13 votos”, explicou João Batista.
 
Eu vejo que há descontentamento com tudo, com o trabalho do Governo, com tudo, então cada um tem o seu ponto de vista, então eu prefiro levar apenas, levando em consideração ao meu trabalho e à minha família, do que se relacionar com a mesa diretora.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet