Olhar Direto

Notícias / Política MT

MELHORIAS NA REGIÃO

Deputado comemora que 28% das obras do Mais MT serão no Araguaia; novo hospital ainda sem local

Da Redação - Vinicius Mendes

27 Fev 2021 - 15:58

Foto: Reprodução

Deputado comemora que 28% das obras do Mais MT serão no Araguaia; novo hospital ainda sem local
O deputado Dr. Eugênio (PSB) afirmou que o Governo de Mato Grosso ainda não decidiu em qual município será construído o novo hospital na região norte do Araguaia. A construção faz parte do Programa Mais MT, que prevê investimentos na ordem de R$ 1,18 bilhão nessa gestão (2019-2022). Dr. Eugênio comemorou que 28% das obras do programa irão para o Araguaia.
 
Leia mais:
"Vamos ter hospitais públicos em MT muito melhores que os privados", afirma governador
 
Ainda no ano passado o Governo anunciou que vai investir R$ 201 milhões na construção de três novos hospitais regionais “muito melhores do que hospitais privados". Em uma reunião realizada nesta quinta-feira (25), entre o governador Mauro Mendes e alguns deputados estaduais, este foi um dos temas abordados.
 
“Pudemos expor as nossas dificuldades ao Governo, o Governo à Assembleia, e nós podemos, de uma forma pacífica, aqueles que apoiam o Governo, estar firmes na ALMT tocando estes dois anos que faltam de governo do Mauro Mendes”, disse Dr. Eugênio sobre o encontro.
 
Segundo o deputado, 28% das obras do programa Mais MT são destinadas à região do Araguaia. Na reunião foi reforçado o compromisso de construção de um hospital no norte da região, no entanto, ainda não foi definido em qual município.
 
“28% das obras do Governo de Mato Grosso estão no Araguaia, o Araguaia que ficou esquecido estes anos todos. Sai [o hospital], o local é que nós não sabemos ainda, agora estamos deixando para a parte técnica resolver, o importante é que vai esse hospital para o norte do Araguaia, agora se vai ser em Confresa ou Porto Alegre do Norte é decisão do corpo técnico, isso aí é o Governo que vai decidir”.
 
O parlamentar afirmou que muitos fatores devem ser considerados para esta escolha, porém, independente do município escolhido, o hospital irá beneficiar a região como um todo, já que as distâncias são curtas.
 
“A distância é muito curta ali, são só 28 quilômetros. Tem os dois pontos, tem coisas favoráveis a Porto Alegre do Norte, coisas favoráveis a Confresa”, disse Dr. Eugênio.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet